quinta-feira, 28 de Março de 2013 09:24h Erik Ullysses

Polícia Militar de Itaúna prende suspeitos de cometerem assaltos na cidade

A Polícia Militar de Itaúna prendeu na terça-feira (26) os suspeitos de terem cometido dois assaltos durante o dia na cidade. Os dois primeiros indivíduos são suspeitos de terem assaltado um estabelecimento comercial no início da tarde no bairro Irmão Auler. De acordo com a PM, por volta das 13 horas, militares foram acionados em um supermercado no referido bairro.


No local o proprietário do estabelecimento relatou que um indivíduo havia adentrado em seu estabelecimento com uma das mãos debaixo da blusa simulando uma arma de fogo e anunciou o assalto. O homem roubou aproximadamente 400 reais em dinheiro que estava no caixa, fugindo logo em seguida. De forma imediata o proprietário iniciou um acompanhamento visual do indivíduo e acionou a PM. Já no local, os militares abordaram o menor E.F.M, de 17 anos, que foi identificado pela vítima como sendo o autor do roubo, e o menor N.A.M.S, de 16 anos, que estava na companhia do autor. O dinheiro roubado foi encontrado em posse do menor de 17 anos. Os dois foram apreendidos e levados para a Delegacia da Polícia Civil.


O outro autor de um roubo preso pela PM também, agiu na terça-feira, porém durante a noite. Por volta das 22 horas, policiais militares se deslocaram até uma farmácia na rua Doutor José Gonçalves, Centro, onde a vítima de 27 anos contou para os militares que um indivíduo portando um canivete chegou na farmácia e anunciou o assalto. De acordo com a vítima o indivíduo levou a quantia de 326 reais em dinheiro.


Os militares colheram informações a respeito das características do suspeito e iniciou o rastreamento. Em dado momento os militares abordaram J.L.S, de 42 anos, sendo encontrado com ele o canivete utilizado no assalto e 132 reais. A vítima reconheceu o indivíduo como o autor do roubo. Ele foi preso e conduzido para a delegacia, onde foi autuado.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.