sexta-feira, 28 de Setembro de 2012 14:25h Erik Ulysses

Polícia Militar recupera táxi roubado e prende os três assaltantes

Um táxi roubado na cidade de Cláudio na tarde de quarta-feira foi recuperado pela Polícia Militar em Divinópolis na tarde de ontem. Foram presos três homens pelo furto do veículo e com eles uma arma de fogo, munições, celulares do taxista e uma pedra de crack de grande porte.

 


De acordo coma a PM a vítima disse que na tarde de quarta-feira foi solicitado por três indivíduos para fazer uma corrida em seu táxi da cidade de Cláudio até o povoado de Parada dos Vilelas, município de Itaguara. Porém, durante o percurso homens, armados com revólveres, anunciaram o assalto. Um dos autores do assalto assumiu a direção do táxi e o conduziu até a cidade de Itatiaiuçu onde abandonaram a vítima. Foram roubados, além do táxi, dois aparelhos celulares e a quantia de 180,00 reais em dinheiro. 

 

Na tarde de ontem uma equipe da Polícia Militar fazia um patrulhamento pela Avenida Paraná quando avistou o veículo parado próximo a um banco. De acordo com o cabo Alexandre Fonseca, durante a abordagem os suspeitos tentaram fugir, mas foram pegos pelos militares. “Durante patrulhamento nós nos deparamos com eles próximo a um banco na Avenida Paraná, dois indivíduos dentro do veículo. Na hora que fizemos a abordagem eles tentaram evadir. Na cintura de um dos envolvidos foi encontrada uma arma de fogo e os dois foram presos” disse.

 

O terceiro homem já estava dentro do banco e provavelmente buscava uma vítima para assaltar. De acordo com o cabo Fonseca os homens planejavam outro assalto em Divinópolis. “O terceiro indivíduo se encontrava no interior do banco e estava visualizando lá alguma vítima de saidinha de banco. Eles confessaram também que iriam fazer outro assalto aqui na cidade” contou.

 

A arma apreendida era um revólver calibre 38 com a numeração raspada. Além dela foram apreendidas seis munições intactas, dois celulares que os assaltantes confessaram serem do taxista, quatro reais em dinheiro e uma cédula de 100 reais com suspeitas de ser falsificada. Também foi apreendida uma pedra de crack de tamanho considerável, que segundo o cabo Alexandre Fonseca, se fosse dividida daria aproximadamente 150 pedras.

 


Os homens presos foram Gerson de Oliveira Barroso, 20 anos, da cidade de Cláudio, Natan Júnior Gonçalves Almeida de 20 anos e Wilian Paulino Oliveira de 32 anos, os dois últimos da cidade de Belo Horizonte. Segundo informações os três possuem passagem pela Polícia em suas respectivas cidades. Os três foram presos e levados para a Depol juntamente com o material apreendido. O táxi foi apreendido e levado para o pátio de socorro.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.