quinta-feira, 4 de Outubro de 2012 10:24h Gazeta do Oeste

Polícia prende um dos traficantes mais procurados de Minas

Roni é um dos traficantes de drogas mais procurados de Minas Gerais, condenado a 30 anos de prisão e apontado como braço direito de Fernandinho Beira-Mar.

A Polícia Civil prendeu na madrugada desta quinta-feira, Roni Peixoto de Souza, conhecido como Gordo, Gordão ou Roni, de 41 anos. Ele foi preso no Bairro Residencial Porto Seguro, na cidade de Goiânia (GO), por policiais mineiros. Roni é um dos traficantes de drogas mais procurados de Minas Gerais, condenado a 30 anos de prisão e apontado como braço direito de Fernandinho Beira-Mar.

 

Em julho do passado, ele deixou a Penitenciária José Maria Alckmin, na Grande BH, beneficiado pela Justiça com o regime semi-aberto, que prevê a saída diurna e o regresso noturno. Os advogados do traficante apresentaram um pedido para que ele trabalhasse em um Centro Automotivo. No entanto, ele desapareceu. Na época, Justiça e o Ministério Público admitiram que os documentos apresentados pela defesa poderiam ser falsos.

 

De acordo com a polícia, Roni estava em uma casa com forte sistema de segurança com monitoramento reforçado e cerca elétrica, no bairro goiano de classe média alta. Para o chefe da Polícia Civil, Cylton Brandão da Matta, a prisão foi resultado do trabalho de investigação de polícia judiciária, dedicação, persistência do policiais. “A prisão dele era um compromisso com a segurança pública de Minas Gerais”, enfatizou. O superintendente de Investigações e Polícia Judiciária, Jeferson Botelho, vai para Goiânia para acompanhar os detalhes da transferência do preso para Minas. Roni deve chegar a Belo Horizonte de avião, ainda hoje.

 

Ficha Criminal

 

Roni atuava com traficante em toda Grande BH mas tinha como principal reduto o Aglomerado da Pedreira Prado Lopes, Região Noroeste da capital. Além de traficante é investigado por homicídio, posse e porte ilegal de arma de fogo, formação de quadrilha. É apontado pela polícia como um dos líderes do Comando Vermelho, facção criminosa do Rio de Janeiro com ramificações em Minas. Entre seus principais comparsas estão seu irmão Raimundo Peixoto de Souza e Luiz Fernando de Souza, o Fernandinho Beira Mar. Roni encabeçava a lista do Procura-se, programa que consiste na divulgação de fotos e outras informações sobre os criminosos alvos através de cartazes, sites, redes sociais e a imprensa.

 

 

 

 

 

 

EM

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.