quinta-feira, 23 de Outubro de 2014 06:35h

Policiais federais suspenderam paralisação marcada para quarta

A paralisação de 72 horasanunciada por policiais federaisna última terça,para começar ontem, foi cancelada após reunião dos presidentes dos sindicatos estaduais da categoria

Segundo a Federação Nacional dos Policiais Federais (Fenapef), a classe resolveu esperar o resultado de uma reunião com o governo federal, marcada para o próximo dia 29.
Parte da categoria protesta contra as medida provisórias650 e 657, que tratam da reestruturação da carreira de Policial Federal. O texto da MP 657 foi publicado no último dia 13 e garante que apenas bacharéis em Direito com três anos de experiência, e aprovados em concurso público, possam assumir cargo de delegado de Polícia Federal. Outra garantia expressa na MP é a de que “o cargo de diretor-geral, nomeado pelo Presidente da República, é privativo de delegado de Polícia Federal integrante da classe especial.”
Os ministérios da Justiça e do Planejamento e a Casa Civil divulgaram nota de esclarecimento a respeito das MPs nesta terça. Leia a íntegra.
“À Federação Nacional dos Policiais Federais.
Em atenção aos pleitos formulados por esta entidade, informamos que o governo federal reafirma o compromisso de valorização dos servidores que compõem a carreira Policial Federal e do Plano Especial de Cargos de Departamento de Polícia Federal.
Nesse sentido, reiteramos o compromisso de realizar todos os esforços possíveis para a aprovação da Medida Provisória 650/2014, cujo texto garante o reconhecimento do nível superior para todos os cargos da carreira Policial Federal, bem como assegura o reajuste salarial dos cargos de agentes, escrivães e papiloscopistas da Polícia Federal.
Também reiteramos o compromisso de adotar medidas para esclarecer que o texto da Medida Provisória 657/2014 não altera os requisitos para ocupação dos cargos comissionados atualmente ocupados por agentes, escrivães, papiloscopiostas, peritos e servidores administrativos da Polícia Federal.
Por fim, assumimos concluir o mais rápido possível a discussão sobre atribuições dos cargos e reestruturação da carreira por meio dos grupos de trabalho técnicos compostos pelos representantes dos servidores do Departamento de Polícia Federal. Neste sentido, já agendamos reunião na próxima quarta-feira, dia 29/10, após a apreciação da Medida Provisória 650/2014 pelo Senado Federal, com a participação de representantes dos três órgãos signatários desta nota, para aprofundamento das discussões.”

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.