terça-feira, 2 de Agosto de 2016 12:18h Polícia Civil de Minas Gerais

Preso último suspeito de espancar jovem até a morte em estação do Move

A Polícia Civil de Minas Gerais prendeu, na tarde desta segunda-feira (1º), um dos suspeitos de participar do espancamento e morte de Diego de Paula Silva, de 20 anos, crime ocorrido no dia 29 de maio, dentro de uma estação do Move.

Roberto Douglas de Lima Guimarães, 19 anos, que estava foragido, foi localizado e preso no bairro Goiânia, na capital. Ele foi detido vestindo a mesma bermuda utilizada no dia do crime.

Cinco dias após o  homicídio, Pablo Neves Campos, de 20 anos, já tinha sido preso apontado como partícipe do espancamento. Roberto e Pablo foram indiciados por homicídio duplamente qualificado, por motivo fútil e com recurso que dificultou a defesa da vítima, assim como por corrupção de menores. Os cinco adolescentes identificados por envolvimento no fato foram encaminhados à Promotoria de Justiça da Criança e da Juventude para providências cabíveis.

Dinâmica dos fatos

Conforme explicou a delegada que conduziu as investigações, Indiara Froes, no dia do crime, um grupo de amigos estava em uma estação do Move fazendo uso de substância entorpecente, ao que tudo indica, loló. Diego se aproximou do grupo e pediu um pouco da droga. Quando o ônibus aguardado pelos jovens estacionou para o embarque dos passageiros, um dos suspeitos pediu que a vítima devolvesse o recipiente contendo o produto. Diego teria se negado, iniciando uma discussão que evoluiu para agressão física.

Diante do fato, os amigos do adolescente então retornam para dar apoio ao colega e se juntaram ao espancamento. Diego ainda revidou as agressões, até levar uma rasteira de Pablo e cair no chão. A partir desse momento, foram desferidos diversos golpes contra a cabeça e o estômago da vítima. Segundo exames, a morte de Diego foi em consequência de um trauma abdominal.

© 2009-2016. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.