segunda-feira, 6 de Junho de 2016 13:29h Atualizado em 6 de Junho de 2016 às 13:34h. Carina Lelles

Jovem sofre terceira tentativa de homicídio em menos de um ano

Na madrugada de ontem, um jovem, de 19 anos, foi vítima de tentativa de homicídio no bairro Danilo Passos, em Divinópolis

POR CARINA LELLES

carina.lelles@gazetaoeste.com.br

 

 

É a terceira vez que o jovem sofre atentado em menos de um ano, a segunda em um mês.

De acordo com a Polícia Militar, a vítima contou que estava sentada próximo a uma lanchonete, na Rua Orozimbo Chagas, quando dois suspeitos chegaram em uma motocicleta, o abordaram e atiraram duas vezes. Os disparos acertaram a mão e o braço da vítima.

Ele foi socorrido e levado para a Unidade de Pronto Atendimento e, posteriormente, para o hospital, onde passou por cirurgia, já que, com o tiro, houve fratura no braço. O quatro clínico da vítima é estável.

O jovem apontou como um dos autores Igor Ruam de Castro, de 21 anos, conhecido como “Japão”, que foi preso e levado para a Delegacia. O outro suspeito já foi identificado, mas ainda não foi localizado.

 

 

 

Outras tentativas

O jovem já foi vítima de outras duas tentativas de homicídio. No mês passado, ele foi chamado na porta de casa e, ao sair, os criminosos atiraram. A vítima correu e pulou os muros de casas vizinhas e não foi atingido pelos disparos.

Na ocasião, a vítima apontou Igor e outros quatro comparsas como suspeitos do crime. Nenhum foi preso na ocasião.

Em novembro do ano passado, a vítima foi atingida no rosto e no abdômen, também no Danilo Passos. Na época, Henrique Luiz Pingo Vieira, de 21 anos, foi preso no dia do crime e Gabriel Rodrigues de Oliveira, de 19 anos, alguns dias depois, suspeitos de terem cometido a tentativa de homicídio.

 

 

 

Mundo do crime

O jovem, que hoje é a vítima, possui várias passagens, envolvimento com drogas e já foi suspeito de, pelo menos, duas tentativas de homicídio. Nos arquivos do Gazeta do Oeste, encontramos duas ocorrências envolvendo o jovem, em uma delas, ele ainda era adolescente.

Menos de um mês após sofrer uma tentativa de homicídio no ano passado, o jovem e o irmão foram presos suspeitos de terem atirado contra três homens que estavam na rua. Os disparos não acertaram ninguém.

Dois anos antes, em 2013, o jovem, com então 16 anos, esfaqueou outro adolescente da mesma idade no bairro Danilo Passos. Na ocasião, o suspeito de tentar matar o “amigo” estaria insatisfeito com as ameaças e acusações de roubo feitas pela vítima, o que, segundo a Polícia Militar, seria um dos fatores que teria levado à prática do crime.

 

© 2009-2016. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.