quinta-feira, 30 de Janeiro de 2014 05:33h

Ronda

Júri Popular


Uma decisão foi tomada, após audiência realizada no Fórum de Divinópolis na tarde desta terça-feira (28). O suspeito de atropelar o policial militar Edgar Porfírio, em setembro em 2013, em Divinópolis, poderá ir a júri popular. A defesa do suspeito terá cinco dias para recorrer da decisão.
Caso vá a júri popular Tiago Henrique Pereira Santos, de 25 anos, pode ser condenado a até 20 anos de prisão. O suspeito alegou novamente que não estava no carro e que este tinha sido roubado antes do acidente. A defesa tenta transformar a acusação em crime de trânsito, assim poderia ser dispensado o júri, desta forma a sentença e a pena seriam decididas em uma audiência convencional.

 

 

“Batman” surta e vai preso
Nessa terça-feira (28), por volta das 18h30, a Polícia Militar foi acionada na Rua Caraguatatuba, do Bairro Jardim das Oliveiras, onde um homem, de 67 anos, relatou que um jovem, de 21 anos, sem motivos, começou a jogar pedras no portão de sua casa.
Igor Fernando, conhecido como “Batman”, teria invadido várias casas e quebrado o vidro de um carro que estava estacionado na rua. A PM compareceu ao local, realizou varredura pela região e recebeu informações que o indivíduo estava na Rua Castelhanos.
O autor, que é usuário de drogas, foi visto com uma colher de pedreiro seguindo um transeunte de 42 anos. Igor jogou o objeto na vítima, mas não causou ferimento. Ele recebeu voz de prisão, porém estava bastante exaltado, sendo necessário algemá-lo. Ele foi preso e encaminhado à delegacia juntamente com o objeto usado na agressão.

 

 

Agressão a gestante
Nessa terça-feira (28), policiais militares compareceram à Rua Benedito Gonçalves, Bairro Distrito Industrial Cel Jovelino, onde a vítima de 18 anos relatou que seu marido, de 22 anos, após uma discussão, lhe agrediu com um chute na barriga e a mesma se encontra grávida de quatro meses. Em razão da agressão, a vítima foi socorrida pela Unidade de Resgate até o Hospital São João de Deus com perda de líquido, permanecendo internada até a manhã de ontem quando recebeu alta.
O suspeito foi preso em flagrante, sendo conduzido até à delegacia, onde foi autuado e posteriormente levado ao presídio Floramar.

 


Briga quase acaba em morte
A Polícia Militar de Abaeté foi informada, através de denúncia anônima, que uma briga estava acontecendo no bairro São João. Durante o deslocamento, os militares depararam com o autor V.J.S.R, 19 anos, o qual corria pela rua, sendo que o mesmo ao avistar a viatura policial dispensou um objeto e continuou correndo, sendo abordado logo a frente e posteriormente localizado um revólver calibre .32, que, segundo o autor, era de sua propriedade.
Os militares deslocaram até ao local onde havia ocorrido a briga, onde as vítimas relataram que o autor havia efetuado quatro disparos de arma de fogo em direção a eles, e alegaram ainda que os autores A. e V. agrediram a vítima C.B.C, de 40 anos, e o ameaçou de morte verbalmente. A vitima apresentava escoriações no cotovelo direito e nos dois joelhos, sendo o mesmo conduzido ao Pronto Atendimento, onde foi atendido e liberado. O autor foi preso e conduzido para a Depol, onde permaneceu à disposição da Autoridade de Polícia Judiciária.

 

 

Tráfico de droga
Um jovem de 21 anos foi preso pela Polícia Militar com arma e drogas. Os militares chegaram ao autor após receber denúncias anônimas de que ele estaria andando pelas ruas do bairro Bernardo Soares de Faria, em Abaeté, com uma arma na cintura.
Ao tentar abordar o suspeito, ele empreendeu fuga, tentando entrar em casa, mas foi contido pelos policiais, sendo localizado, em sua cintura, uma réplica de arma de fogo. No momento da abordagem, os militares avistaram, pela janela da residência do autor, o que possivelmente seria uma balança de precisão em cima da mesa da cozinha juntamente com três papelotes de substância semelhante a cocaína. Durante as buscas na residência foram localizados: uma balança digital, cinco chips de celular, uma câmera digital, uma faca tipo punhal, duas munições de calibre 32, um invólucro plástico contendo três buchas de maconha, oito pedras de crack, seis papelotes de cocaína, uma algema e um bastão Tonfa.  O autor foi preso e o material apreendido, sendo conduzidos a Depol.
 

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.