sexta-feira, 1 de Agosto de 2014 10:57h

Ronda

Carreta “desaparece” em Lagoa da Prata

Um homem de 32 anos acionou a Polícia Militar e relatou que saiu de sua residência, pela manhã, para trabalhar e deixou uma carreta, desengatada do reboque, estacionada em frente a sua casa.
Duas horas depois, quando estava deslocando-se para a cidade de Itapecerica, recebeu uma ligação telefônica do operador do rastreador da carreta, na qual foi informado que o veículo havia “perdido o sinal da antena.”
A vítima disse ao operador que, quando saiu pela manhã, a carreta estava estacionada em frente a sua residência e que iria ligar para seu motorista, que reside em Campos Altos, para verificar se ele havia pegado o veículo. O motorista, por sua vez, negou ter pegado o veículo.
O operador fez contato novamente dizendo que o veículo estava em Lagoa da Prata, a 13 km do local. Então, a vítima retornou a Lagoa da Prata e, em novo contato com o operador, foi informado de que o veículo estaria próximo à cidade de Santo Antônio do Monte, porém, o operador acabou perdendo o sinal do rastreador do veículo que não foi mais localizado.

 

 

 

 

PM procura por homem que atropelou criança em Carmo do Cajuru
Um menino de 11 anos foi atropelado na porta de uma escola nesta quarta-feira no Bairro Nossa Senhora do Carmo em Carmo do Cajuru. Segundo a Polícia Militar (PM), ele saía da escola quando foi atropelado por um carro. O motorista fugiu do local sem prestar socorro.
De acordo com a PM, a criança teve ferimentos leves e foi encaminhada para a clínica Dona Elisa Nogueira Gontijo com escoriações na bacia, pernas e um corte no lábio superior. Ele foi atendido e liberado. Os militares fizeram rastreamento em busca do motorista suspeito de ter atropelado a criança, mas até o momento ninguém foi preso.

 

 

 

 

Trio é alvo de disparo de arma de fogo
Dois homens, de 21 e 27 anos, e uma adolescente de 16 anos, compareceram ao Quartel de Polícia Militar e informaram que estavam dentro de uma Parati, estacionada em uma praça de Martinho Campos, quando um Pálio prata parou ao lado, do qual desceu um indíviduo encapuzado que bateu no vidro da Parati.
Neste momento, ao perceber que o indivíduo portava uma arma na mão, o motorista arrancou em marcha ré e fugiu do local, tendo o autor efetuado um disparo com a arma de fogo que atingiu o para brisas da Parati, próximo ao motorista. Os criminosos fugiram e não foram localizados.
A menor apresentava pequena escoriação no braço esquerdo causada por estilhaços do vidro, sendo orientada a procurar atendimento médico, porém ela disse que não precisava.

 

 

 

 

Adolescentes são apreendidos suspeitos de tráfico de drogas
A central de operações da 19ª Companhia Independente recebeu várias denúncias informando que dois indivíduos estariam traficando drogas no Parque do Bariri, bairro São José, em Pará de Minas.
Os policiais foram até o local e abordaram os suspeitos, que têm 15 e 16 anos. Com o mais jovem, os policiais encontraram R$ 140. Com o outro foram apreendidos R$ 23,10 e uma bucha de maconha. Também foram apreendidos dois telefones celulares.
De acordo com as denúncias, os menores portavam pequenas quantidades de drogas para não serem flagrados e escondiam o restante na vegetação do Bariri. Mas os policiais não conseguiram localizar o suposto restante dos entorpecentes.
Através do sistema informatizado, a PM de Pará de Minas apurou que no cadastro do menor de 16 anos havia uma sinalização de pessoa desaparecida. Ele é residente no Bairro Taquaril, em Belo Horizonte, e não deu detalhes de como sumiu de casa.
Uma mulher de 22 anos, moradora do Bairro Grão Pará, em Pará de Minas, acompanhou o registro da ocorrência na delegacia e se apresentou como sendo responsável pelos dois adolescentes. Ela revelou que está namorando há dois meses com o adolescente de 16 anos.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.