quinta-feira, 8 de Novembro de 2012 06:52h Gazeta do Oeste

Suspeito de matar ex-namorada esfaqueia tio da vítima, atira em delegado e se mata

 Gustavo Vinícius de Souza, de 21 anos – que estava foragido desde segunda-feira, acusado de esfaquear e matar a ex-namorada Dhajylla Danielle Matos Silva, de 17, em Montes Claros, Norte de Minas –, feriu duas pessoas, uma delas um delegado da Polícia Civil, antes de se matar, na noite de quarta-feira, em Francisco Sá, na mesma região. 

Segundo a PM, um tio de Dhajylla ficou sabendo do paradeiro de Gustavo e foi atrás do rapaz. Porém, o homem foi esfaqueado pelo acusado, que ainda lutou com um policial militar, tomando sua arma e atirando em outros policiais. O delegado Ranieri Marcondes, da Polícia Civil de Francisco Sá, também participou do cerco e foi baleado pelo jovem na perna. 

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.