terça-feira, 20 de Setembro de 2011 09:54h Paulo Reis

Trânsito mais seguro nas rodovias

Solenidade da Semana de Trânsito reúne diversos órgãos de segurança

A Semana Nacional do Trânsito foi comemorada ontem pela manhã na sede da Polícia Rodoviária em Divinópolis. Com esta solenidade a PM também deu início ao projeto “Pacto pela Vida na MG 050”. O projeto consiste em ações de conscientização no trânsito, serão realizadas blitz educativas em diversos pontos da rodovia e esta proximidade dos órgãos de segurança pública junto aos condutores que será realizada através de rápidas conversas e panfletagens visa atingir um número expressivo não só de pessoas do município, mas também daqueles que tem a rodovia como meio de trabalho: os comerciantes em geral.


Lembrar das diversas vítimas que perdem a vida por dia nas rodovias foi uma forma de reforçar que os condutores não dirigem só para si  e que a segurança defensiva deve ser feita em todas as situações ao qual o motorista estiver inserido.


Trânsito, bebidas alcoólicas e estradas foram os fatores relembrados pelo Cel. Eduardo Campos de Paula, Comandante da 7ª Cia da Polícia Militar, que associados colaboram para o aumento do número das tragédias nas principais rodovias do país. O anel Rodoviário de Divinópolis, infelizmente, ainda é um dos grandes vilões de acidentes desta região e reduzir a velocidade neste perímetro é de suma responsabilidade para com as vidas que passam por ali.


Estudos apontam um número preocupante de 1.300.000 vítimas por ano nas rodovias que cortam o país, a faixa etária mais atingida compreende pessoas de 15 à 44 anos, a significativa parcela produtiva da sociedade, reforçou o Major Vagner Resende, comandante da 7ª Cia da PM Independente de Meio Ambiente e Trânsito  .


Segundo dados do Ministério da Saúde, o Brasil registra um índice de 19 ponto fatalidades por grupo de cem mil habitantes o que representa aproximadamente 36.000 mortes anuais, enquanto que países Europeus e Asiáticos registram uma faixa de 5 mortes por cem mil habitantes.
A 7ª Cia Independente de Meio Ambiente e Trânsito cobre 175 Km da MG 050, o que representa 8,75% da malha viária mineira que é responsável por 35% do número de acidentes e 25% do numero de mortes. Por estes dados confirma-se a atual situação da Rodovia MG 050 e a necessidade da rápida ação dos órgãos de segurança pública para diminuir ou até mesmo acabar com tais fatalidades.


O projeto “Pacto pela Vida na MG 050” junto ao DR e ao Consórcio Nascentes das Gerais identificarão quais os locais de maior ocorrência dos acidentes graves e priorizarão investimentos em sinalização e correção da Rodovia. Com a ARETRAN 3 e outros parceiros será feito a confecção e distribuição de dicas de segurança aos usuários da via. Com a imprensa a difusão das informações e alertas. E com o Corpo de Bombeiros e as demais unidades da Polícia Militar de Minas Gerais acontecerá a integração de ações de prevenção antes de feriados prolongados e períodos de férias.
O projeto não está pronto e acabado, na verdade, está aberto às diversas contribuições de todos os órgãos.


A integração destes poderes públicos será fundamental para conscientização, pois 82% do número de acidentes ainda é causado pelo fator humano, como reforçou Marcelo Aguiar, Gerente de Operações das Nascentes das Gerais.


Júlio Valério, secretário de Trânsito e Transporte de Divinópolis, relembrou que ontem também começou uma campanha voltada para o trânsito interno do município e que isto direcionará de forma positiva as ações do projeto da rodovia.


As ações desta parceria não têm data para terminar, sendo que a maior contribuição virá do condutor consciente. Durante todo o tempo de prevalência do “Pacto pela Vida na MG 050” os motoristas passarão por diversas dinâmicas que direcionarão de forma precisa a responsabilidade no trânsito.  

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.