segunda-feira, 29 de Abril de 2013 07:04h Estado de Minas

Trio assalta sorveteria, esquece um celular e é preso no Bairro Santa Cruz

Um trio foi preso depois de assaltar uma sorveteria e esquecer um celular no local do crime, na noite desse domingo, no Bairro Santa Cruz, Região Nordeste de Belo Horizonte. Um policial se passou por civil e entrou em contato com os bandidos dizendo ter achado o telefone. Ele marcou um encontro com os ladrões que foram presos em flagrante.

Segundo a Polícia Militar, Aleider Silva Rodrigues, de 21 anos, e Kennedy Paulino Santos, de 23 anos, entraram na soverteria e anunciaram o assalto por volta das 20h. Eles levaram R$200 do caixa e um celular, mas durante a ação acabaram esquecendo o próprio aparelho. Quando os militares chegaram chegarem ao local, a vítima apontou o telefone como sendo dos assaltantes. Como o celular não parava de tocar, um policial resolveu atender, se passando por uma pessoa que teria encontrado o aparelho.

A responsável pela ligação era Tânia Alves Ribeiro, de 42 anos, namorada de um dos bandidos. Ela conversou com o policial, dizendo que o companheiro havia perdido o celular. O policial então marcou um encontro para fazer a suposta entrega, combinando que estaria dentro de um táxi, na BR-381, no Bairro Maria Virgínia.

Ao chegar ao local, o trio percebeu que se tratava de uma emboscada e fugiu em alta velocidade. Um deles chegou a jogar uma arma de fogo pela janela. Após perseguição, os policiais conseguiram fazer cerco ao carro, mas os três ainda tentaram fugir em um matagal. Os militares fizeram busca e prenderam os três em flagrante.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.