terça-feira, 12 de Julho de 2016 14:05h Atualizado em 12 de Julho de 2016 às 14:18h. Carina Lelles

Trio é preso suspeito de explodir caixa eletrônico em Cláudio

Os criminosos trocaram tiros com a PM logo após a explosão e fugiram levando cerca de R$3 mil, mas foram rastreados e presos

POR CARINA LELLES

carina.lelles@gazetaoeste.com.br

 

Na madrugada deste domingo, criminosos explodiram três caixas da agência da Caixa Econômica Federal, na Avenida Presidente Tancredo Neves, no Centro de Cláudio. Houve troca de tiros, mas ninguém ficou ferido. Em rastreamento, a Polícia Militar conseguiu localizar e prender três suspeitos. Foram roubados cerca de R$3 mil.

De acordo com a Polícia Militar, na madrugada de domingo, os militares ouviram explosões e seguiram para a agência bancária. Ao chegarem ao local, os policiais flagraram os criminosos em frente à instituição financeira.

 

 

Os suspeitos, fortemente armados, trocaram tiros com os militares e fugiram, em dois veículos, antes de terminar toda a explosão. Três artefatos explosivos ficaram no local e o Grupo de Ações Táticas Especiais (Gate) foi acionado para retirar e detonar os explosivos em um local seguro.

Durante a fuga, houve perseguição, os criminosos entraram em uma estrada vicinal e os militares os perderam de vista. Horas depois, os policiais receberam informações de que uma caminhonete estava abandonada na zona rural da cidade. O veículo foi roubado no dia 8 deste mês, em Santo Antônio do Monte, e foi um dos utilizados pelos criminosos para a fuga após as explosões.

 

 

 

Prisão

Enquanto os militares registravam a ocorrência da localização de um dos veículos usados pelos criminosos, denúncias apontavam que suspeitos haviam saído do meio do mato e entrado em um veículo. Foi feito cerco e os militares prenderam David Henrique Ferreira, de 22 anos, Marcos Brenio Guimarães dos Reis, de 27 anos, e Emerson Felisbino Ferreira, de 32 anos.

Com eles, os militares encontraram R$452 em dinheiro, celulares, barras de ferro, cartuchos e lanternas. O material foi apreendido e encaminhado juntamente com os suspeitos para a Delegacia da Polícia Federal em Divinópolis. Os carros foram apreendidos e encaminhados para o pátio credenciado ao Detran.

© 2009-2016. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.