sábado, 21 de Julho de 2012 09:17h Carla Mariela

A maioria dos candidatos a vereador possui só o ensino médio completo

A campanha política já começou e os candidatos da chapa proporcional são no total 356 e para disputar a chapa majoritária, os candidatos são cinco. A divulgação dos dados de cada um; foi publicado no site do Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais (TRE/MG), e dentre os dados foi possível constatar em relação ao grau de instrução, de cada candidato, que a maioria do concorrentes a vaga de vereador possui somente até o ensino médio completo. Noventa e sete dos candidatos possuem o ensino médio completo. Oitenta e nove são candidatos que possuem o ensino superior completo. Sessenta e dois tem ensino fundamental completo. Cinquenta e quatro tem o ensino fundamental incompleto. Vinte seis possuem o ensino médio incompleto. Vinte e dois possuem ensino superior incompleto. Somente seis sabem ler e escrever.

 


Ao apresentar a estatística sobre os candidatos que estão disputando a prefeitura de Divinópolis. Três possuem curso superior completo, são eles, Galileu Teixeira Machado, Vladimir de Faria Azevedo e Heloísa Vieira Cerri. O candidato que possui curso superior incompleto é Jorge Tarcisio Torquato. O Luiz Roberto de Sousa Cury possui ensino médio completo.

 


Já os candidatos à vice, na análise feita pelo TRE, todos, possuem curso superior completo. São eles: Antônio Rinaldo Valério, Roberto Pedro Bento, Rodrigo Pinto Resende Costa, Edson José de Sousa e Ana Maria Goulart Torquato.

 


Contudo, o resultado da análise direcionado para o grau de instrução de cada candidato a vereador, mostrou que a maioria possui só até o ensino médio. Em relação à candidatura a prefeitura de Divinópolis a maioria tem curso superior completo.  E todos os candidatos que estão concorrendo à candidatura para vice, apresentam curso superior completo.

 


Portanto, a estatística dos candidatos é feita por meio da replicação diária dos dados dos tribunais regionais eleitorais para uma base consolidada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), em horários pré-determinados. Todos os dados utilizados para a realização dos cálculos das informações são de responsabilidade do candidato, informados, declarados e comprovados no momento do registro de candidaturas.

 


Dentre os dados dos candidatos estão disponíveis também nomes dos candidatos para a urna eletrônica, o nome completo, a data de nascimento, nacionalidade, grau de instrução, endereço do site do candidato, número, sexo, naturalidade, ocupação, estado civil, partido, coligação, composição da coligação, cargo a que concorre; número do processo, limites de gastos de campanhas, dentre outros.

Leia Também

Imagem principal

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.