terça-feira, 29 de Maio de 2012 10:09h Atualizado em 29 de Maio de 2012 às 10:31h. Carla Mariela

Assembleia pretende cancelar 14º e 15º salários

Seguindo exemplo do parlamentar Fabiano Tolentino, Assembléia Legislativa estuda a possibilidade do cancelamento do 14º e 15º salários

No dia 22 desse mês, o deputado estadual Fabiano Tolentino (PSD) protocolou na Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG), um documento abrindo mão do pagamento do seu 14º e 15º salário, ajuda de custo no valor de R$ 20.042,35 mil paga à parlamentares conhecida como “auxílio paletó”.

 

Depois de Tolentino abrir mão do seu benefício, seguido também pelo deputado Durval Ângelo (PT), a mesa diretora Assembleia se reuniu e agora pretende extinguir por definitivo o pagamento do “auxílio paletó” para todos os 77 parlamentares estaduais, conforme matéria publicada no jornal Estado de Minas (26). A medida, que ainda será discutida com os líderes dos partidos, deverá ser anunciada já nessa semana e representa uma economia para os cofres públicos de R$ 3.246.698,70 milhões por ano.

 

“Minha carreira política sempre foi baseada na economia de recursos públicos. Tanto é que quando fui vereador em Divinópolis optei por não utilizar o veículo e nem as verbas para pagamento de telefonia, porque não acreditava ser justo. E é essa definição que levo para meu mandato como deputado. Abro mão do chamado auxílio paletó porque não acho justo recebermos benefícios além do 13º, como recebe todo trabalhador”, reforça Tolentino.

 

Ainda segundo o impresso mineiro, tramita na Câmara dos Deputados um projeto similar que pretende extinguir o benefício também para deputados federais e senadores. A proposta da Assembleia Mineira seria dar o exemplo antes da decisão definitiva em Brasília. No caso de Tolentino e Durval, como explica o EM, a extinção da verba deverá ser feita informalmente, sem a aprovação de qualquer resolução prevendo o assunto.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.