Aumento salarial dos vereadores

Aumento de salário de vereadores já está sendo articulado nesse final de ano. Proposta deverá ser lida hoje e assinatura de 13 edis está articulada para endossar iniciativa da Mesa Diretora

Cerca de R$ 10.500, esse é o valor ventilado nos corredores da Câmara sobre a proposta de aumento de salário dos edis, que hoje é de R$ 6.125, para 2013. O assunto esteve na pauta de discussão na última terça-feira (20), após a reunião ordinária do Legislativo e a principio seria apenas uma proposta em estudo. No entanto, uma fonte segura confidenciou a Gazeta do Oeste que o processo está avançado e a previsão é seja feita a leitura, hoje (22), da proposta em plenário.
Há informações também que ontem (21), circulou nos gabinetes o pedido de adesão dos 13 vereadores, que no caso estariam “dividindo a responsabilidade do impacto nos cofres públicos com a Mesa Diretora”, que tem a prerrogativa sozinha de apresentar a proposta.
Além dos valores significativos dos subsídios, os vereadores têm hoje a disposição carro, telefone celular, gasolina, quatro assessores parlamentares, entre outros benefícios.
A reportagem entrou em contato com o presidente da Câmara, Pastor Paulo César, para verificar se o impacto orçamentário foi estudado e confirmar os valores, já que se for aprovado o aumento o Legislativo terá que arcar com cerca de R$ 178.5 mil/ mês só para pagar os edis, considerando o aumento para 17 cadeiras em 2013. No entanto, até o fechamento da edição não foi possível a confirmação dos valores da proposta.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.