terça-feira, 13 de Março de 2012 09:01h Atualizado em 13 de Março de 2012 às 10:02h. Carla Mariela

Beto Cury recebe apoio de Luiz Dulci e Marco Maia

A aprovação da pré-candidatura ocorreu no evento Medalha 10 de Fevereiro

A cerimônia conhecida como 10 de Fevereiro, que tem por objetivo homenagear personalidades que possuem uma trajetória relacionada ao PT (Partido dos trabalhadores), foi realizada sexta-feira dia 09, às 19hs 30 min., no auditório do JB Palace, na Rua Rio de Janeiro. A festividade contou com a presença dos seguintes homenageados: a prefeita de Betim, Maria do Carmo, o diretor do Instituto Lula, Luiz Dulci, o Presidente da Câmara dos Deputados, Marco Maia, frei Leonardo que substituiu o frei Cristovão devido a problemas de saúde.
De acordo com o atual presidente do PT de Divinópolis, Luiz Carlos Teixeira, é fundamental que esse evento ocorra pelo fato do partido comemorar 32 anos e por esse motivo são homenageadas pessoas que de alguma forma estão relacionadas com os ideais petistas “A medalha é uma instituição da cidade que comemora o ano de fundação do PT, comemoramos 32 anos de fundação, isso serve para resgatar a história do partido na luta social pelas políticas públicas que atendem o maior número de nossos cidadãos”, afirma.
Conforme o pré-candidato a prefeitura de Divinópolis pelo PT, Beto Cury, é o segundo ano que acontece esse evento. “Aqui em Divinópolis a entrega da medalha foi instituída no ano passado. Esse é o segundo ano que nós realizamos essa comenda e estamos homenageando quatro grandes figuras, todos eles, são meus amigos de longa data”, relata.
Ao ser questionado sobre qual a sua satisfação de ter o lançamento da sua pré-candidatura realizada pelo PT, Cury, afirma que se sente honrado com a decisão. “Um dos fatores que me motivou a vir para Divinópolis depois de nove anos no Governo Federal, é um fator de muita honra, pois voltei porque eu sei que posso contribuir para que nossa cidade melhore. Evidentemente que a decisão do PT está sendo debatida com outros partidos, são partidos de oposição ao Governo local que fazem parte da base do Governo da presidente Dilma e da base do Governo Lula, e nós estamos tentando construir um consenso entre esses partidos para que tenhamos uma candidatura prefeito e vice construída por todos partidos em torno de um projeto para que a cidade seja cada vez melhor”, esclarece.
O presidente da Câmara dos Deputados, Marco Maia, ressaltou o contentamento de ser homenageado pela primeira vez com a Medalha 10 de Fevereiro. “É uma honra estar aqui pela primeira vez. Quero agradecer ao partido da cidade, o meu companheiro Beto Cury por esta homenagem pelo trabalho que realizamos a frente da Câmara dos Deputados, na qual conduzimos da forma mais democrática possível os trabalhos do parlamento brasileiro, permitindo que possamos contribuir com o crescimento e com o desenvolvimento do Brasil,” explica.
Para o diretor do Instituto Lula, Luiz Dulci, voltar a Divinópolis é satisfatório, pois possui uma enorme relação com a cidade. Além disso, ele aproveitou para falar da colaboração que Beto Cury transmitiu para ele quando estava em Brasília. “Tenho vínculos com Divinópolis, com o professorado, com os artistas escritores, com os religiosos e com o movimento sindical. Durante muitos anos frequentei Divinópolis e mesmo depois que estava em Brasília, mantive muitos contatos aqui. Tive o privilégio de ter como colaborador em Brasília durante oito anos do Governo Lula, o Beto Cury, como secretário de articulação social, depois como secretário Nacional de Juventude, depois já não estava mais comigo, pois estava no Governo Federal no Ministério da Educação, mas ele deu uma colaboração extraordinária para o sucesso do Governo Lula, somou força com lideranças locais e cumpriu um papel muito importante para algumas conquistas que Divinópolis teve, como é o caso da universidade, não foi apenas o Beto Cury, mas ele teve uma participação fundamental. Ele é muito querido não só por mim, mas pelo ex-presidente Lula, que costumava dizer que só havia dois metalúrgicos no palácio do planalto, ele próprio e o Beto Cury”, explica.
Frei Leonardo que estava representando frei Cristovão devido a um problema de saúde, disse que vai repassar a medalha para ele “Durante toda a vida dele, já está quase chegando aos 80 anos, seja como aluno, seja como professor, seja como militante de partido político, seja nas celebrações que ele fazia, ele sempre procurou estar ao lado dos mais necessitados”, aborda.
As Medalhas 10 de Fevereiro, foram entregues aos homenageados por meio do Beto Cury. Estavam presentes no encontro, o Deputado Federal Jaime Martins, o Deputado Federal Reginaldo Lopes, o presidente da Câmara Anderson Saleme, o vereador Edson de Sousa (PSB), o vereador Adair Otaviano (PMDB), a vereadora Heloisa Cerri (PV), o diretor da Fiemg, Afonso Gonzaga, dentre outros.

 

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.