sexta-feira, 1 de Julho de 2011 17:46h Atualizado em 4 de Julho de 2011 às 11:16h. Flávia Brandão

Câmara aprova alteração no perímetro urbano para favorecer grande empreendimento imobiliário

O projeto EM 038/2011, de autoria do Executivo Municipal, que propõe a redefinição do perímetro urbano de Divinópolis, incorporando uma gleba de terra à área urbana, foi aprovado por 10 votos favoráveis na Câmara Municipal, na última quinta-feira (30). O líder do governo no Legislativo, vereador Edmar Rodrigues (PSDB), afirmou que a alteração será de grande importância para o município, visto que no local será feito um grande empreendimento imobiliário - um condomínio fechado residencial - que irá gerar impostos para o município e melhorias para região do Buritis.


No texto de justificativa do projeto, o prefeito Vladimir Azevedo (PSDB) afirma que o  “interesse local é evidenciado por se tratar de uma área destinada a implantação de um Condomínio Residencial Fechado, conforme Lei Municipal 4933/2000 dotado de toda a infraestrutura, o que afasta qualquer preocupação técnica de possibilidade de novos parcelamentos com consequente adição de mais lotes de pequenas áreas em nosso município”. De acordo com o projeto o parcelamento da área somente será aprovado com lotes de áreas iguais ou maiores de 600,00 m², não permitida a sua subdivisão e o acesso ao empreendimento será por conta do empreendedor.


Em plenário, o vereador Adair Otaviano (PMDB)  comemorou a aprovação e ressaltou que empresários portugueses estão à frente do empreendimento. “Com a aprovação da matéria Divinópolis ganha muito. Votamos só a extensão do perímetro urbano, mas é através desse projeto de Lei que os empresários portugueses poderão investir em Divinópolis mais precisamente na antiga Fazenda Café Divinópolis, hoje Fazenda Santa Cruz de Cabrália. Eles vão investir 16 milhões e isso trará benefícios para população, benefícios para a comunidade rural de Córrego do Paiol e adjacentes”, declarou. O vereador informou ainda que no local serão  construídos seis condomínios, ao longo de dez anos, e  está previsto também o asfaltamento do bairro Santos Dumont até a entrada do condomínio, num total de 5km de estradas rurais e mais 2km de estrada de acesso ao aeroporto. 

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.