sexta-feira, 28 de Outubro de 2011 20:59h Atualizado em 28 de Outubro de 2011 às 21:49h. Flávia Brandão

Câmara Municipal inaugura programa de entrevistas

As terças e quintas, após as reuniões do Legislativo, programa Lente Aberta irá ao ar.

“Lente Aberta”, esse é nome do novo programa televisivo da Câmara Municipal de Divinópolis com a estréia prevista para o próximo dia (1). De acordo com o diretor de Comunicação do Legislativo, Flávio Ramos, o programa será como mais um canal de interação com a comunidade. Entrevistas com vereadores, reportagens sobre os projetos mais polêmicos da Casa e abertura para participação popular farão parte da estrutura do programa. A previsão é que  toda terça e quinta-feira logo, após as reuniões ordinárias da Casa, o programa  vá ao ar pelo Canal 13, TV Candidés, com duração prevista de 30 minutos.


Segundo Flávio Ramos, nesse primeiro momento, o Lente Aberta irá trazer entrevistas com os 13 vereadores, com “objetivo de valorizar e mostrar o trabalho de cada parlamentar”. E posteriormente serão abordados os projetos de lei mais relevantes, que estão em tramitação na Casa.  O diretor explica que o programa será gravado no próprio plenário da Câmara Municipal -  as quartas-feiras, pela manhã - onde será adaptado durante a  filmagem um mini-cenário. O jornalista José Vander Viegas, que compõe o quadro de funcionários concursados da Diretoria de Comunicação da Câmara será o apresentador.


Questionado se o programa iria gerar novos custos para o Legislativo considerando que a Casa vive hoje uma portaria para contenção de despesas até o fechamento de 2011, Ramos esclareceu que “nenhum novo custo será gerado”. Isso porque atualmente o Legislativo Municipal tem quatro horas disponíveis no Canal 13 para transmissão da TV Câmara, no entanto está havendo uma “brecha de tempo”, após as reuniões ordinárias, nesse segundo semestre, e o Lente Aberta irá aproveitar esse espaço. Além disso, toda a produção, filmagem, edição do programa ficará a cargo da diretoria de Comunicação da Câmara.


Flávio diz que no 2º  semestre é natural haver uma diminuição no número de projetos que tramitam na Câmara, sendo então aberta essa janela para inserção do programa. No entanto, ele diz que quando as reuniões ordinárias ocuparem às 4 horas disponíveis o Lente Aberta não irá ao ar.


Interação


Ramos destacou a interação com a comunidade divinopolitana. “Iremos à rua entrevistar os eleitores, para que possam fazer perguntas sobre os projetos em debates, ou seja, pretendemos interagir com a sociedade. Não será apenas um monólogo com o vereador, teremos oportunidade de questionar e debater idéias, de colocar pontos opostos, já que um projeto de lei desperta situações favoráveis e contrárias”, destacou Ramos.


Canal 24 horas


Questionado sobre o projeto, que envolve a implantação do Canal Digital 24 horas e que foi anunciado há alguns meses pelo presidente Pastor Paulo (PRB), Ramos afirma que está sendo aguardada a liberação da diretoria de Comunicação do Congresso Nacional do sinal digital para as primeiras sete Câmaras Municipais de Minas Gerais. “Ë um processo burocrático que envolve o Congresso Nacional e o Ministério das Comunicações, mas acredito que até o final do ano essa parte burocrática esteja resolvida”, declarou. Esse atraso na liberação do sinal, segundo Ramos é inclusive oportuno porque permite encaminhar, em 2012, a Mesa Diretora o pedido para compra dos equipamentos transmissores digitais, já que agora não há dotação orçamentária para aquisição.
Ramos afirma que o programa Lente Aberta traz em sua estréia, no dia 1º, entrevista com o presidente Pastor Paulo César (PRB) e na quinta-feira (3) o vereador Geraldinho da Saúde (PR), que há três anos está à frente da Comissão de Saúde e é o 1º secretário da Mesa Diretora.  

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.