segunda-feira, 27 de Agosto de 2012 10:12h Gazeta do Oeste

Campanha eleitoral na TV e no rádio sofre alterações

O tse alterou as tabelas de tempo permitido de propaganda eleitoral gratuita em rádio e televisão para as eleições majoritárias e proporcionais deste ano, com modificações também em Minas.

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) alterou as tabelas de tempo permitido de propaganda eleitoral gratuita em rádio e televisão para as eleições majoritárias e proporcionais deste ano, com modificações também em Minas. A mudança ocorreu em razão das recontagens feitas pelos tribunais regionais eleitorais (TREs) dos estados dos deputados federais eleitos em 2010. A retotalização dos votos ocorre quando um candidato que estava com o registro negado no dia da votação passa a ter a candidatura aceita após a análise de seu recurso. Assim, os votos que eram considerados inválidos passam a ser contabilizados.

 

Com esse novo cenário, em Belo Horizonte, o tempo de propaganda da Coligação BH Segue em Frente, que apoia a candidatura do prefeito MArcio Lacerca (PSB) à reeleição, cresceu. Por sua vez, a coligação Frente BH Popular, que defende a eleição do ex-ministro de Combate à Fome Patrus Ananias, perdeu tempo. Apesar de pouco significativa, Lacerda ficou com cinco segundos a mais e Patrus perdeu quatro. 

 

 

Depois da revisão da tabela pelo TSE, o Democratas passou a contar com dois deputados federais a mais. PR, PDT e PSB somaram um parlamentar a mais cada. O Partido dos Trabalhadores teve dois deputados a menos e o PSDB, PV e PTdoB perderam um parlamentar. A decisão modifica o anexo de resolução aprovada pelo plenário do TSE em 9 de agosto, dispondo sobre a representação dos partidos que deveria ser considerada para a distribuição do tempo de propaganda eleitoral gratuita no rádio e na televisão nas eleições municipais.

 

 

Devido à falta de tempo hábil para que os programas eleitorais a serem veiculados hoje sejam alterados pelos partidos e coligações, os horários constantes nos novos relatórios deverão ser obedecidos somente a partir de amanhã. Nas cidades do interior de Minas, o TRE já fez a comunicação para que os cartórios eleitorais informem aos partidos/coligações locais e às emissoras de rádio e TV sobre o novo tempo dos que estão disputando o pleito. 

 

 

 

 

 

 

 

 

EM

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.