terça-feira, 31 de Julho de 2012 14:49h Carla Mariela

Cartório Eleitoral faz convocações dos mesários para as eleições 2012

Ontem, à tarde, por volta das 13hs30min, em entrevista a Gazeta do Oeste, o chefe do Cartório da 102ª Zona Eleitoral, em Divinópolis, Halley Adriani Alves, ressaltou o total de mesários voluntários que irão fazer parte da eleição desse ano na cidade e explicou que é fundamental a seleção desses mesários, uma vez que eles têm como função fazer com que o eleitor exerça o seu direito de votar, sendo que o seu voto deve ser exercido e respeitado.

 


De acordo com Halley Adriani, no total foram convocados 1.104 mesários na 102ª Zona Eleitoral e 800 na 103ª. Todos eles receberão o treinamento para desenvolver o seu papel no dia 07 de outubro. “Todos os mesários convocados receberão o treinamento. O treino da 102ª Zona será no dia 1º de setembro de 8hs e depois 14hs, no sábado. Já os mesários da 103ª Zona  terão o treinamento no dia 30 e 31 de agosto, às 14hs”, ressaltou.

 

Ao ser questionado quais são os benefícios que os mesários voluntários terão ao participar do processo eleitoral de 2012, Halley disse que os mesários receberão dois dias de folga pelo treinamento e pela eleição. Além disso, eles terão o passe livre de ônibus, auxílio alimentação, e a novidade desse ano é que em um acordo feito pelo Cartório Eleitoral com o cinema de Divinópolis, os mesários receberão meio passe para a entrada no cinema. Conforme, Halley Adriani, esse acordo realizado com o cinema é uma forma de incentivar e valorizar os mesários por sua participação nas eleições dos candidatos a vereador, vice-prefeito e prefeito.

 

Ele ainda acrescentou que outra vantagem de ser mesário é o fato de quando o mesário tentar concurso público, por exemplo, o exercício da sua função no processo eleitoral, valerá como desempate, caso haja previsão no edital do concurso. Halley ainda faz um alerta, esclarecendo que caso, o mesário seja convocado e no dia por algum imprevisto ele não comparecer para colaborar com a eleição 2012, ele estará sujeito a pagar multas. “Quando o mesário recebe a carta e por algum motivo ele é impedido de comparecer no dia 07 de outubro, por razões de ordem militar, dentre outros, o mesário deve ir até o cartório e pedir o requerimento”, esclareceu.

 

Ainda segundo Halley Adriani, além dos mesários voluntários há os mesários eventuais, que são aqueles que substituem os mesários voluntários que possuíram algum tipo de problema que o impeça de participar das eleições. “Sempre tem aqueles mesários que passam mal, ou que por algum outro motivo não podem comparecer. Então, o substituímos pelo mesário eventual”, declarou.

 

Em relação à convocação, o chefe do cartório afirmou que os mesários são convocados por meio de uma carta enviada pelo correio, e o mesário que ainda não recebeu essa carta e que já tem conhecimento que foi escolhido para ser mesário, pode comparecer até o Cartório Eleitoral.

 

Ao finalizar, Halley ainda explicou que parentes dos candidatos não podem ser mesários. De acordo com o TRE/MG, além dos parentes de candidatos, também não podem ser mesários, os membros dos diretórios dos partidos políticos, as autoridades e agentes policiais, eleitores menores de 18 anos. Geralmente, os mesários são selecionados entre os eleitores da própria seção.
Portanto, os mesários são importantes para o processo político. O Juiz Eleitoral intimará os mesários, e os nomeará até oito de agosto. O mesário deve está na seção eleitoral do início ao fim da votação dos eleitores. É ele que recebe o eleitor, colhe e confere as assinaturas no caderno de votação e libera a urna eletrônica para que o voto seja realizado.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.