Cassação do Prefeito Galileu Machado será votado nesta sexta-feira em Divinópolis.

Comissão Processante apresenta relatório final.

A Mesa Diretora da Câmara de Vereadores de Divinópolis convocou Reunião Extraordinária para amanhã (06.setembro.2019), às 7h, no Plenário Dr Zózimo Ramos Couto, para apresentação do relatório final da Comissão Processante que investiga a denúncia de infração político-administrativa contra o prefeito de Divinópolis, Galileu Machado (MDB).

Documento final do colegiado que investiga a denúncia de infração político-administrativa contra o prefeito de Divinópolis, Galileu Machado (MDB), será apresentado e votado pelos vereadores

Inicialmente, será apresentado e votado o relatório do vereador Renato Ferreira (PSDB) se o chefe do executivo cometeu ou não infração político-administrativa. Participam da votação o presidente Eduardo Print Jr (SD) e o vereador membro Roger Viegas (PROS). Posteriormente, essa posição será apreciada pelos vereadores em Plenário, onde será decidida a cassação ou não do mandato do prefeito. Para a cassação do mandato, de acordo com o Regimento Interno da Câmara, são necessários a maioria qualificada de 12 votos.

Denúncia de Infração Político-Administrativa  

Protocolada no dia 30 de abril pelo vereador Sargento Elton (Patriota) e aceita em Plenário por 10 votos favoráveis e 06 votos contrários no dia 10 de junho, a  denúncia por infração político-administrativa ( clique e leia na íntegra) elenca, pontualmente, três motivos: suposta negociata de cargos, renúncia de receita e prevaricação.   

 

 

Fonte - CMD

© 2009-2019. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.