quarta-feira, 15 de Agosto de 2012 09:51h Gazeta do Oeste

Dilma quer "boxear" tudo o que atrapalha o crescimento do Brasil

A presidenta Dilma Rousseff disse, hoje (14), que quer "boxear" tudo o que atrapalha o crescimento do país. Ela falou ao receber os irmãos Esquiva e Yamaguchi Falcão, boxeadores medalhistas nas Olimpíadas de Londres.

Os pugilistas foram acompanhados do prefeito do Rio, Eduardo Paes e o governador do estado, Sérgio Cabral. O prefeito recebeu a bandeira olímpica durante a cerimônia de encerramento das Olimpíadas, no último domingo (12). Ele levou o símbolo dos jogos ao Palácio do Planalto.

“Estou tendo as primeiras aulas [de boxe]. Eu diria que com ótimos professores”, disse a presidenta se referindo aos irmãos Falcão. E completou: “Eu não quero boxear pessoas, mas todas as coisas que atrapalham o crescimento do país”.

Ela disse que é preciso elevar o número de medalhas conquistadas pelo Brasil e que esse objetivo será perseguido de forma “muito firme” nas Olimpíadas de 2016, que serão realizadas no Rio.

Dilma parabenizou Esquiva Falcão pela medalha de prata, Yamaguchi Falcão pela medalha de bronze e estendeu o reconhecimento a todos os atletas brasileiros que participaram das competições em Londres.

"Meus cumprimentos a todos os atletas. Estive com muitos deles em Londres, conheci os sonhos, a dedicação, e que ser selecionado para as Olimpíadas é uma grande coisa", disse.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.