quinta-feira, 27 de Agosto de 2015 09:48h Atualizado em 27 de Agosto de 2015 às 09:51h. Pollyanna Martins

Divinópolis não está incluída no novo repasse de recurso para as unidades de pronto atendimento

A Unidade de Atendimento Padre Roberto estava entre as dez unidades que já recebiam a verba do governo

O Governo do Estado anunciou nessa terça-feira (25) que a Secretaria de Estado de Saúde (SES) irá repassar para as Unidades de Pronto Atendimento 24h de toda Minas Gerais um recurso extra de 25% do valor repassado pelo Ministério da Saúde para o custeio das unidades. Os repasses vão variar de acordo com o porte da unidade, numa escala que vai de I a III, e do tipo de sua habilitação junto ao Ministério da Saúde.
Segundo a SES, as unidades novas de porte I, que recebem da União R$ 170 mil reais mensais, vão receber mais R$ 42,5 mil de recursos estaduais para garantir o funcionamento da unidade. As unidades de porte II vão receber mais R$ 75 mil mensais, além dos R$ 300 mil já repassados; e as de porte III receberão mais R$ 125 mil, além dos R$ 500 mil já recebidos.
A secretaria Municipal de Saúde (Semusa) informou que a Unidade de Pronto Atendimento Padre Roberto (Upa 24h) é de porte III, e que tem um gasto mensal de aproximadamente R$ 1,8 milhão. Atualmente, há em Minas Gerais 42 unidades de pronto atendimento 24h.  Apenas dez delas recebiam incentivo estadual para o custeio mensal das suas atividades. Entre as Upa’s que já recebiam o recurso do estado, está a Upa Padre Roberto 24h. A unidade de Divinópolis recebe R$ 500 mil da União e já tem o recurso de R$ 125 mil do Estado.
As Upa’s já existentes e que foram reconhecidas pelo Ministério da Saúde como unidades de urgência, também receberão os incentivos estaduais, nos mesmos termos das unidades novas. São mais R$25 mil para as unidades porte I, que recebem R$ 100 mil da União; mais R$ 43,7 mil para as de porte II, que já recebem R$175 mil de recursos federais; e mais R$75 mil para as unidades porte III, que têm custeio federal de R$300 mil.

 

SEMUSA
Em nota, a Semusa informou que “o recurso extramencionado no release, se refere as demais Upa’s do estado de Minas Gerais, que ainda não recebiam o recurso estadual e/ou federal, mesmo já habilitadas. O estado de MG conta atualmente com 42 Upa’s, das quais 10 já recebiam os recursos acima relacionados. A Upa Divinópolis já estava contemplada com os recursos entre estas. A Upa Divinópolis é habilitada no Ministério da Saúde como Upa tipo III. (Para uma população de 200.001 a 300.000 habitantes). Infelizmente, os recursos vinculados à Upa são fixos, independente do custo mensal que ela representa. No nosso caso, o valor corresponde em média 35% do custo mensal da Unidade, que completa o custeio com recurso exclusivo do município”, afirma.

 

LEITOS UTI
Outra novidade na saúde é a abertura de mais 50 leitos de tratamento intensivo nas regiões Norte, Oeste e Triângulo Norte. O credenciamento dos novos leitos foi aprovado na última reunião da Comissão Intergestores Bipartite (CIB-SUS/MG), e vai beneficiar cerca de 940 mil pessoas.
Os novos leitos acrescentarão os 1.778 leitos de UTI adulto, 185 leitos de UTI pediátrico, 543 leitos de UTI neonatal, 115 leitos de Unidade de Cuidados Intermediários (UCI) convencional e 42 leitos de UCI canguru já existentes no estado. Em Divinópolis, o Hospital São João de Deus (HSJD) será contemplado com 20 novos leitos de UTI, e irá reforçar os 10 leitos de UTI Adulto, os dois leitos de UTI pediátrico e os seis leitos de UTI neonatais já credenciados.   “O credenciamento desses leitos é de extrema importância para cobrir o déficit que existe nas regiões onde eles estão localizados e, dessa forma, atender com mais qualidade e efetividade, diminuindo os vazios assistenciais”, ressaltou o diretor de Políticas e Gestão Hospitalar da Secretaria de Estado de Saúde, Danilo Borges Matias.
Além do HSJD, serão beneficiados ainda o Hospital das Clínicas de Uberlândia, e o Hospital Municipal Dr. Moisés Magalhães Freire, em Pirapora, o hospital receberá dez leitos de UTI Neonatal, dez leitos de UCI Convencional e cinco leitos de UCI Canguru.

 

Créditos: Assessoria/PMD

Leia Também

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.