Estado dá início à devolução de veículos oficiais

Redução da frota de automóveis do Governo de Minas Gerais deve proporcionar economia superior a R$ 11 milhões

O Governo de Minas Gerais já começou a cumprir as determinações anunciadas recentemente pelo governador Antonio Anastasia no sentido de reduzir custos e racionalizar a máquina pública estadual. Uma dessas medidas é o recolhimento de 139 veículos oficiais, iniciado nesta semana. Deste total, 80 são locados e 59 próprios, que serão leiloados. Nos últimos dois dias, já foram devolvidos 40 veículos. Os demais serão entregues gradualmente.


De acordo com a Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag), os veículos mais novos estão sendo remanejados e os mais antigos, devolvidos ao fornecedor ou vendidos. Com isso, os órgãos e entidades manterão apenas um veículo de representação para atendimento aos seus respectivos dirigentes máximos. A previsão é de redução das despesas relacionadas aos veículos em mais de R$ 11 milhões, incluindo manutenção e combustível, entre outros.

Racionalização


No dia 31 de julho, o governador Antonio Anastasia anunciou um abrangente conjunto de medidas administrativas para a redução de custos e a racionalização da máquina pública estadual. As iniciativas – que incluem, dentre outras, a extinção e a fusão de secretarias e órgãos públicos, a redução de cargos de confiança e da frota de veículos, além da proibição de viagens e da contratação de consultorias – proporcionarão uma economia de R$ 365 milhões para o Estado em 2013 e 2014.


Será feita, ainda, uma revisão das despesas de custeio do Estado para 2014, o que possibilitará uma economia adicional estimada em R$ 700 milhões, totalizando uma redução de gastos de aproximadamente R$ 1,1 bilhão. A estimativa é de que, de agosto até dezembro de 2013, os gastos de custeio do Estado serão reduzidas em R$ 105 milhões, o equivalente a 13% do total de despesas de custeio com recursos do Tesouro Estadual previstas para o período.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.