segunda-feira, 3 de Agosto de 2015 11:25h

Fernando Pimentel quer ouvir os mineiros esquecidos pelas gestões passadas

No sétimo Fórum Regional de Governo, em São João Del Rei, o governador destacou a nova forma de governar, com participação e regionalização

O governador de Minas Gerais, Fernando Pimentel, afirmou nesta sexta-feira (31/7) que os Fóruns Regionais de Governo são uma oportunidade para o governo ouvir “centenas de milhares de mineiros e mineiras esquecidos, desprezados e humilhados, que nunca tinham merecido um bom dia ou boa tarde de uma autoridade”. “É em nome dessa gente que nós governamos. É só por isso que estamos aqui. Aqueles que criticam, que não acreditam nesse modelo de respeito e democracia, acreditam em outra coisa, podem não respeitar, mas o nosso jeito de governar é assim. É com eles, é com esses milhares, que vamos governar Minas Gerais”, declarou, emocionado, durante a instalação do sétimo Fórum, no Território Vertentes, em São João del-Rei.
Pimentel destacou também a “nova atitude” do governo, baseada na participação popular e na regionalização dos programas de governo, com o Estado focando em ações fora dos gabinetes, mais perto da população. “Eu acredito que tem de chegar perto das pessoas. Tem de conversar com elas e ouvi-las. Todo mundo pode ser ouvido, todo mundo é importante e tem com que contribuir. É claro, os técnicos têm de trabalhar para dar formato àquilo e executar, depois, o que foi decidido amplamente pela população”, acrescentou o governador, que recebeu uma placa da prefeitura em agradecimento pela escolha de São João del-Rei para sediar esse território.
Ao lado de integrantes do governo do Estado, lideranças políticas da região e representantes de movimentos sociais, o secretário de Estado de Governo, Odair Cunha, ressaltou a necessidade de se “democratizar a política”. “Vamos transformar a participação popular em meta de governo. Ouvir para governar e compreender o nosso Estado como múltiplo”, disse, ao explicar que a divisão do Estado em 17 regiões levou em consideração as 78 microrregiões da Saúde.
Já o deputado estadual Cristiano Silveira, que representou a Assembleia Legislativa de Minas Gerais, destacou a importância da visita do governador para consolidar as promessas feitas, no ano passado, durante a campanha eleitoral. “A realização do fórum faz com que o governador cumpra o principal lema de sua campanha, que é ouvir para governar. Governos anteriores nunca vieram para ouvir a população. Hoje, o governador veio com todo o seu secretariado para ouvir o que têm a dizer as lideranças políticas e a sociedade civil. Isso tem não só um simbolismo, mas têm uma eficácia”, disse.
O deputado federal Reginaldo Lopes, que é da região, considerou que o programa é uma resposta à altura das reivindicações feitas pela população nos protestos de julho de 2013. “Tenho a convicção de que este dia de hoje é histórico. Esse modelo vai dar a certeza de que as principais reivindicações, de participação popular, serão atendidas. O senhor talvez seja o primeiro governador a interpretar e compreender as manifestações democráticas de 2013”, acrescentou.
Para o prefeito de São João del-Rei, Professor Helvécio, a instalação do Fórum Regional representa a retomada do papel de centralidade da cidade na região das Vertentes. “Se nos dois anos em que eu estou como prefeito, os secretários de Estado não vieram à São João del-Rei, imagine o governador. Isso aqui, hoje, está batendo todos os recordes de prestígio que o senhor, governador, poderia conceder à região”, comemorou.
Também participaram da solenidade de instalação, secretários de estado, prefeitos, vereadores e lideranças da região, entre eles, o segundo vice-presidente da Associação Mineira de Municípios (AMM) e prefeito de Barbacena, Antônio Andrada, a reitora da Universidade Federal de São João del-Rei (onde foi realizado o evento), Valéria Kemp, e o presidente do Conselho de Pastores do Campo das Vertentes, Alexandre dos Santos.

Segunda etapa
Na parte da tarde, os participantes da reunião tiveram a oportunidade de tirar suas dúvidas junto aos secretários e lideranças do programa. Acompanharam o debate os secretários Nilmário Miranda (Direitos Humanos, Participação Social e Cidadania), Glenio Martins (Desenvolvimento Agrário), Fausto Pereira dos Santos (Saúde) e o adjunto de Planejamento e Gestão, Wieland Sielberschneider. O coordenador estadual do projeto, Fernando Tadeu David, orientou os participantes sobre o preenchimento dos formulários para levantar as demandas da região. Elas serão incluídas no Plano Plurianual de Ações Governamentais (PPAG) e no Plano Mineiro de Desenvolvimento Integrado (PMDI).
A professora da rede municipal Sandra Fortes, de 50 anos, afirmou que esta ação governamental é uma maneira positiva de ouvir as pessoas. “Sempre pensamos que o governador é intocável. Esse é diferente. Parece querer falar com o povo. Isso é válido e estamos em um bom começo”.
Na próxima reunião do Fórum de Governo - Território Vertentes, composto por 50 municípios, serão eleitos os representantes da região responsáveis por levantar as propostas e principais demandas da população ao governo do Estado. O grupo será composto por nove representantes da sociedade civil organizada, nove da sociedade civil não organizada, três prefeitos, três vereadores, além de lideranças dos governos estadual e federal.

 

Municípios integrantes do Território das Vertentes
Alfredo Vasconcelos

Lamim

Alto Rio Doce

Madre de Deus de Minas

Antônio Carlos

Nazareno

Barbacena

Ouro Branco

Barroso

Paiva

Capela Nova

Piedade do Rio Grande

Caranaíba

Piranga

Carandaí

Prados

Casa Grande

Queluzito

Catas Altas da Noruega

Resende Costa

Cipotânea

Ressaquinha

Conceição da Barra De Minas

Rio Espera

Congonhas

Ritápolis

Conselheiro Lafaiete

Santa Bárbara do Tugúrio

Coronel Xavier Chaves

Santa Cruz de Minas

Cristiano Otoni

Santa Rita de Ibitipoca

Desterro de Entre Rios

Santana do Garambéu

Desterro do Melo

Santana dos Montes

Dores de Campos

São Brás Do Suaçuí

Entre Rios de Minas

São João Del Rei

Ibertioga

São Tiago

Ibituruna

São Vicente de Minas

Itaverava

Senhora de Oliveira

Jeceaba

Senhora dos Remédios

Lagoa Dourada

Tiradentes

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.