quarta-feira, 3 de Junho de 2015 14:21h

Governo de Minas Gerais entrega Medalha Antônio Secundino de São José

Evento homenageou personalidades, entre pesquisadores, produtores rurais e secretários de Estado

O Governo de Minas Gerais entregou, na noite desta terça-feira (6/6), em Patos de Minas, a Medalha Antônio Secundino de São José a personalidades que prestaram serviços de destaque para o desenvolvimento da pecuária, abastecimento, saneamento e meio ambiente no Estado.
A solenidade, organizada em parceria com a Prefeitura Municipal e a Assembleia Legislativa de Minas Gerais, coincide com o aniversário daquele município do Alto Paranaíba e a Festa Nacional do Milho (Fenamilho).
Em virtude das chuvas que atingiram a região, no final da tarde e início da noite de terça-feira, o vice-governador Antônio Andrade, que presidiria a cerimônia, não conseguiu chegar à cidade. O prefeito de Uberaba, Paulo Piau, representou o Governo de Minas Gerais.
O prefeito de Uberaba leu o discurso que havia sido preparado por Antônio Andrade. O pronunciamento destacou a importância do Alto Paranaíba, como uma das regiões mais produtivas do estado e do país, além de ressaltar o incentivo do Governo de Mina Gerais à pesquisa nos setores de agricultura e pecuária. Ele pontuou também a realização da Fenamilho, que acontece em paralelo à solenidade da comenda, até o próximo final de semana.
“Estamos nos empenhando para fomentar o melhoramento genético, reestruturando os projetos para a pecuária leiteira do estado. Vamos apoiar os produtores com assistência técnica transformadora, aprimorando a gestão zootécnica e financeira de suas propriedades. Temos a certeza de que conseguiremos, lado a lado com o produtor rural, vencer os desafios e promover as grandes conquistas”, disse o prefeito, reproduzindo o discurso de Antônio Andrade.
De acordo com o presidente da Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (Epamig), Rui da Silva Verneque, um dos homenageados com a Comenda Antônio Secundino, é uma “grande honra” receber esse reconhecimento. Em seu discurso, em nome dos demais agraciados, Verneque afirmou que a medalha é uma forma de “demonstração de que o trabalho honesto é relevante para o desenvolvimento do país”.
Para o presidente do Sindicato dos Produtores Rurais de Patos de Minas, Elhon Cruvinel, a comenda é um “orgulho da cidade e perpetua a memória de Antônio Secundino”.
O prefeito de Patos de Minas, Pedro Lucas Rodrigues, ressaltou que os agraciados foram aprovados pelo conselho diretor da comenda "de forma unânime, com discernimento e cautela". "Vocês fazem com que este país se torne o país da produtividade, do equilíbrio. São exemplos a serem seguidos, fizeram e fazem história", disse.
O vice-presidente da Assembleia Legislativa de Minas Gerais, Hely Tarquínio, elogiou os esforços do governador Fernando Pimentel em tornar Patos de Minas exportadora de carnes para o Leste Europeu e fez um relato sobre a carreira e vida do engenheiro agrônomo que deu nome à comenda.
O inspirador da comenda, Antônio Secundino de São José, nasceu na Fazenda do Onça, no então distrito de Santa Rita dos Patos, hoje município de Presidente Olegário. Em 1931, formou-se como engenheiro agrônomo pela Escola Superior de Agricultura do Estado de Minas Gerais, em Viçosa. Foi estudar no exterior, e, quando retornou, fundou a Agroceres, empresa que há 60 anos se dedica à pesquisa de sementes e ao agronegócio, responsável pela introdução do milho híbrido no Brasil.

Fenamilho
A Fenamilho chega a sua 57ª edição, consagrada como a maior festa de Minas Gerais, renomada por seus eventos culturais e seu volume de negócios. Com uma estrutura de 130 mil metros quadrados, deve atrair neste ano 450 mil visitantes.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.