sábado, 26 de Abril de 2014 07:30h Atualizado em 26 de Abril de 2014 às 07:32h. Jotha Lee

HSJD aguarda a aprovação de relatório para se tornar instituição de ensino

Durante dois dias uma comissão formada por representantes do Ministério da Saúde e do Ministério da Educação (MEC).

Durante dois dias uma comissão formada por representantes do Ministério da Saúde e do Ministério da Educação (MEC) estiveram presentes no Hospital São João de Deus (HSJD), a intenção foi avaliar a unidade para definir se existem possibilidades do HSJD se tornar um hospital de ensino.
Conforme o representante do MEC, Amaury Dantas, a visita ao hospital foi positiva, mas o resultado final, com a aprovação da instituição, depende da análise que o MEC e o Ministério da Saúde irão fazer, baseados no relatório feito por ele. A expectativa é que em curto prazo seja revelado o resultado. “Viemos até Divinópolis para constatar se o HSJD se enquadra nos quesitos exigidos pela portaria 2.400 do Ministério da Educação enquanto hospital de ensino. Saímos daqui muito satisfeitos porque o hospital é uma instituição muito respeitada, muito querida pela população e que realmente tem uma tradição e uma vocação para o ensino”, salienta.
Dantas destaca que o fato de já ter estudantes atuando na unidade de saúde é um ponto a favor para a certificação do hospital como instituição de ensino. “Observamos a presença de universidades como a Federal de São João Del Rei e também a Universidade de Itaúna que já têm aqui dentro do hospital seus professores e estudantes. Com isso, temos uma unidade que, além de ser responsável pela assistência da população, é ainda matriz formadora de futuros profissionais”, avalia.


MAIS RECURSOS
Ser uma instituição de ensino trará grandes benefícios ao hospital, dentre eles, está a questão dos recursos federais. Sobre este assunto o diretor clínico do hospital, Júlio Cesar Veloso, diz que será bastante positivo trazer novos investimentos para o São João de Deus. Mas o médico destaca que será ainda melhor saber que estes recursos virão por mérito de um serviço de qualidade. “Uma das questões importantes para que este hospital seja uma instituição de ensino é que crie protocolos rígidos e normas de atendimento que favoreçam a população”, completa Veloso.

 

BENEFÍCIO DE TODOS
De acordo com o secretário municipal de Saúde, David Maia, esse será um grande e importante passo para a saúde pública de Divinópolis, já que o São João de Deus é o principal prestador de serviços do Sistema Único de Saúde (SUS), e atende não só a cidade como também outros 54 municípios. O secretário diz ainda que no momento o que o município está fazendo é apoiar e acompanhar todo o processo com o sentimento de positivismo para que logo se tenha um desfecho favorável desta situação.

 

 

DE IMEDIATO
Durante a visita do representante do MEC algumas sugestões já foram passadas à coordenação do São João de Deus. Conforme o superintendente do hospital, Afrânio Emilio, houve o pedido de adequação da biblioteca no sentido de atualização de informações para uso dos acadêmicos. Ainda segundo ele, esta medida já será providenciada, bem como outras sugestões repassadas à direção.
Caso tenha a necessidade de outras mudanças o hospital se prontifica a realizar de imediato para que não atrapalhe no resultado final da aprovação para um hospital de ensino.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.