quinta-feira, 16 de Agosto de 2012 10:34h Gazeta do Oeste

Inri Cristo faz protesto em frente ao STF

Inri Cristo, personagem que diz ser a reencarnação de Jesus Cristo, fez nesta quarta uma manifestação na Praça dos Três Poderes, em frente ao Supremo Tribunal Federal (STF), onde ocorre o julgamento do mensalão. Acompanhado de suas "discípulas", ele concedeu entrevistas e distribuiu panfletos com sua posição em relação ao caso.

 

No manifesto, no qual se definiu como "eleitor e conselheiro de juristas", afirmava estar em frente ao STF para "conferir se Brasília aproveitará a ocasião para higienizar a imagem". Diz que Roberto Jefferson omitiu que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva era o mandante do esquema e culpou José Dirceu, então ministro da Casa Civil, por "desavença pessoal". Usando uma expressão que já havia sido utilizada pelo advogado de Jefferson esta semana, afirmou que Lula não pode ser considerado um "pateta".

 

 

"Nunca o povo brasileiro elegeu um pateta. O que acontece é presidente que se faz de burro para continuar comendo milho", diz trecho do manifesto. O texto afirma ainda que Brasília é a "Nova Jerusalém" e que no dia em que o Brasil for "efetivamente democrático" o voto será facultativo. Afirmou que o País vive uma guerra civil, embora não declarada, e que morre mais gente pela violência cotidiana do que em qualquer guerra. Concluiu o manifesto pedindo que a presidente Dilma Rousseff "restaure a dignidade da nação". 

 

 

 

 

 

EM'

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.