sábado, 1 de Setembro de 2012 08:45h Gazeta do Oeste

Lacerda pretende aumentar convênios em creches e atender 75 mil crianças de 3 a 6 anos

O prefeito Marcio Lacerda (PSB), candidato à reeleição, afirmou ontem que o município poderá ampliar a oferta de vagas em creches em Belo Horizonte aumentando o número de convênios que mantém com estabelecimentos particulares. Durante encontro com representantes do Movimento Pró-Creches, da iniciativa privada, Lacerda lembrou que a abertura de mais vagas na rede de ensino infantil da capital é uma determinação do governo federal, que pretende universalizar o serviço para atendimento a crianças de 3 a 6 anos até 2016. “Se vocês puderem fazer isso em tempo mais rápido, a gente pode negociar isso e aumentar o apoio financeiro. Nesses casos é só uma questão de planejamento na Secretaria de Educação. Como vamos lançar o programa de governo somente por volta do dia 15, temos um tempinho para incluir alguma coisa nessa direção”, argumentou Lacerda.

 

 

Segundo Lacerda, a prefeitura assinou parcerias público-privadas (PPPs) para construção de 30 escolas infantis. “Para fechar o negócio o Banco Mundial nos assessorou. Fez pesquisas em Belo Horizonte e nos afirmou existir demanda de 70 mil a 90 mil crianças que precisam de ensino público gratuito de qualidade por não terem condições de acessar escolas privadas”, informou.

 

O prefeito afirmou que a prefeitura mantém convênios com 196 creches, que atendem 22 mil crianças abaixo de seis anos. Segundo o prefeito, ao longo de 2012 serão repassados às instituições credenciadas R$ 54 milhões. Ao fazer as contas sobre o atendimento global da prefeitura (conveniadas mais estabelecimentos próprios), o prefeito se embolou e errou o número final. “Com o trabalho que estamos fazendo chegaríamos a 53 mil vagas, somadas com as 22 mil das creches conveniadas, teríamos 85 mil vagas”, contabilizou. O total correto, no entanto, é 75 mil.

 

 

Chuva Lacerda tentou atenuar ontem as declarações de que estaria torcendo para que a noite de ontem fosse de chuva em Belo Horizonte, por causa do comício do principal adversário na disputa, Patrus Ananias (PT), ao lado do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, na Praça da Estação. “Lula é respeitado por todos nós e sempre será bem recebido em Belo Horizonte. Sobre a visita de quatro horas do ex-presidente ao presidente estadual do PSB, Walfrido dos Mares Guia, na noite de quinta-feira, o prefeito afirmou que o encontro era algo natural porque os dois são amigos e trabalharam juntos. Walfrido ocupou duas pastas na Esplanada dos Ministérios: Turismo (2003-2007) e Relações Institucionais (2007).

 

 

Para o prefeito, a declaração de Patrus Ananias de que Lula teria pedido para evitar acirramento na disputa em Belo Horizonte é no sentido de se evitar danos futuros “no relacionamento político e pessoal de todos”. A campanha do candidato do PSB vai fazer hoje um abraço na Avenida do Contorno. Serão 40 pontos de concentração ao longo da avenida onde estarão correligionários de Lacerda. O prefeito partirá da Praça Milton Campos e percorrerá toda a avenida. 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

EM

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.