segunda-feira, 16 de Setembro de 2013 07:18h Carla Mariela

Licitação de projeto de obras de aproximadamente 8 km para a duplicação da BR 494 está prestes a ser autorizada

Diretor geral do Dnit autoriza o superintendente de Minas para agilizar processo licitatório para que obras no Km 34,8 até o Km 42,8 possam ser realizadas

O diretor geral do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte (Dnit), General Jorge Ernesto Fraxe, recebeu o deputado federal Jaime Martins (PR/MG) e o vice prefeito de Divinópolis, Rodrigo Resende (PDT) em Brasília. O encontro foi marcado pela discussão em torno da autorização da licitação para que obras no Km 34,8 até o Km 42,8 da BR 494 fossem realizadas.

 


O trecho colocado em questão está relacionado com o entroncamento com a MG-050, na qual existem áreas residenciais e comerciais. Para o deputado, esta autorização tem o objetivo de desafogar o trânsito para a garantia de mais segurança. Segundo ele, o trecho possui um tráfego intenso, principalmente de veículos de carga. Nesse sentido foi solicitada a permissão da licitação e conforme Martins o retorno vindo por meio do diretor General Fraxe foi positivo. 

 


De acordo com a assessoria de Martins, o diretor do Dnit relatou que a obra será fundamental para Divinópolis e que a realização do projeto executivo envolve o estudo de viabilidade técnica, econômica e ambiental (EVTE). Nos próximos dias, o superintendente em Minas Gerais, Álvaro Campos de Carvalho, irá dar andamento ao processo de autorização desta licitação.

 

O vice prefeito, Rodrigo Resende, que também participou do encontro afirmou que este foi o momento que o general tomou conhecimento de todo o processo referente à licitação das obras da BR 494, que estava parado. Na ocasião, conforme Resende, o General ligou para o superintendente, Álvaro Campos, e o autorizou a dar andamento ao procedimento licitatório. “O general colocou-se a disposição, e acrescentou que uma nova reunião será realizada no Dnit já com a presença do Álvaro Campos para confirmar a autorização da licitação para as obras. As obras vão desde o posto da polícia rodoviária com a junção da MG 050, até a ponte do 49 para atender também o Conjunto Copacabana”, concluiu. 
Sobre a Duplicação da BR 262 da travessia urbana de Nova Serrana

 


O Ministro dos Transportes César Borges esteve em Nova Serrana a convite do deputado federal Jaime Martins, para assinar a ordem de serviço das obras de duplicação da BR-262 no trecho da travessia urbana de Nova Serrana no dia 09 de abril. Cinco meses após a assinatura, já se percebe que as obras estão bem adiantadas. Segundo Martins a BR-262 permite a ligação dos estados do Mato Grosso e Goiás, passando pela região Noroeste, Centro Oeste de Minas Gerais, à capital mineira, chegando até a região portuária do Sudeste. Com a duplicação haverá mais segurança aos usuários da rodovia.
Atualmente o tráfego no trecho é de cerca de 10 mil veículos por dia. A obra está orçada em cerca de R$ 65 milhões e faz parte do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC).

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.