terça-feira, 31 de Março de 2015 14:12h Amanda Lavor

Ministro se reúne com dirigentes municipais de turismo

Assembleia da Anseditur elegeu novo Conselho Administrativo da entidade

O ministro do Turismo, Vinicius Lages, participou nesta terça-feira (31) da Assembleia Geral Ordinária da Associação Nacional dos Secretários e Dirigentes Municipais de Turismo (Anseditur). Durante o encontro, em Brasília (DF), foi realizada a eleição do Conselho Administrativo da entidade, para a gestão 2015/2017. O novo presidente da Anseditur será Cristiano Rodrigues, secretário da Agência de Turismo de Palmas (TO), e o vice-presidente será Ademar Schneider, secretário de Turismo de Balneário Camboriú (SC).

Na ocasião, o ministro Lages reforçou a importância do turismo como vetor de desenvolvimento econômico do país. “Mesmo neste período de desafios, o setor turístico deve continuar crescendo acima do PIB brasileiro. Os municípios cumprem um papel fundamental para este crescimento, facilitando a geração de negócios, desenvolvendo produtos e colaborando para a estruturação dos destinos”, disse.

O ministro também anunciou que o MTur está desenvolvendo uma oficina para formação de facilitadores e gestores públicos, através de um acordo de cooperação com a Escola Nacional de Administração Pública (Enap). O curso deve ser voltado para gestores do ministério e das secretarias estaduais de Turismo.

O ex-presidente da Anseditur e secretário de Turismo de Porto Alegre (RS), Luiz Fernando Moraes, destacou que a entidade vem passando por reformulações. “Desde o ano passado todos os municípios turísticos brasileiros estão aptos a se associar, sendo que anteriormente só podiam ser incluídas os destinos considerados indutores do desenvolvimento turístico regional. Com isso, pretendemos fortalecer cada vez mais a entidade, que conquistou seu espaço inclusive no Conselho Nacional de Turismo”, disse.

De acordo com o presidente da Embratur, Vicente Neto, a associação vive um momento de renovação e reafirmação de compromissos. “A Anseditur terá, a partir de agora, ainda mais responsabilidades para atingir os propósitos e desempenhar a interlocução entre o governo federal e os destinos turísticos brasileiros”, disse.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.