terça-feira, 18 de Fevereiro de 2014 04:32h Pollyanna Martins

Onde o poder público não vai... ...e mais ninguém.

Andar pelo Centro de Divinópolis é algo rotineiro e sem muitas surpresas.

Ruas asfaltadas, comércio funcionando, poucos buracos nas ruas, mas o que muita gente não conhece é a parte da cidade onde existem moradores que parecem estar esquecidos. Nossa reportagem foi aos bairros Chácaras Belo Horizonte e Vale do Sol, e encontraram moradores indignados e abandonados pelo poder público.
A primeira parada foi no bairro Chácaras Belo Horizonte. Logo na entrada uma moradora que preferiu não ser identificada reclamou do descaso que enfrentam: ruas sem calçamento, mato alto e o pior: o posto de saúde que tinha no bairro, hoje não existe mais. “Muitas vezes nós pagamos para tapar os buracos da rua. Ligamos para Prefeitura pedindo a solução do problema, e eles falam que vão vir, mas nunca vieram para nos ajudar. O médico atendia no posto de saúde aqui, mas ele falou que a casa estava muito precária e não viria mais. Nós pedimos ajuda para a Prefeitura para não fechar o posto, mas não adiantou”, relata. Segundo a moradora, há cerca de seis meses um jovem sofreu acidente de moto no bairro, e o maior desafio que os familiares tiveram foi levá-lo para o Pronto Socorro; como a rua é cheia de buracos, o Resgate não conseguiu passar, vários homens tiveram que ajudar no socorro do rapaz. “Nós estamos abandonados, eles asfaltaram a estrada que liga Divinópolis a Carmo do Cajuru e acabou que ninguém fez mais nada. Com o mato alto os bichos entram todos em casa. Nós já matamos cobra jararaca na varanda de casa. Em época de eleição todos os políticos vêm aqui e prometem, depois somem”. 
Quem também tem várias promessas políticas para contar são os moradores do bairro Vale do Sol. O programador, Edson Nogueira, mora há dezenove anos no bairro, e já perdeu as contas de quantos passaram por lá em época de campanha e prometeu calçamento para a rua onde ele mora. “São várias ruas que estão sem calçamento. Nós estamos vivendo um dilema, com o calor que está se a prefeitura passa a máquina para nivelar a rua, a poeira sobe e as crianças adoecem. Se chove não tem como entrar em casa”. O programador reclama da falta de retorno quanto ao pagamento do IPTU. “O meu imposto está em dia pra morar nessas condições. Entra e sai prefeito, vem vereador na porta de casa pedir voto, deputados fazer promessas, mas a situação não muda. Tem calçamento até na esquina da minha casa, e na porta é só terra”, lamenta.
A Prefeitura Municipal de Divinópolis disse por meio de sua assessoria que as ruas do bairro Vale do Sol só poderão ser verificadas após o fim das obras na av. Bom Sucesso. Uma equipe será enviada ao bairro Chácaras Belo Horizonte para verificar as condições das ruas.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.