Ordem de veiculação e tempo de propaganda eleitoral definidos pelo TER

Em audiência, o Tribunal Regional Eleitoral de Minas fez sorteio da ordem de veiculação e divulgação do tempo da propaganda eleitoral gratuita no rádio e na televisão para as Eleições 2014, que terá início no dia 19 de agosto.

Para o cargo de governador, quem abrirá o horário eleitoral será o candidato André Alves, da Coligação “Mais Minas”, seguido de Fernando Pimentel, da Coligação “Minas pra Você”. Pimenta da Veiga, da Coligação Todos Por Minas, ficou com o maior tempo, com 8’05 (tempo em cada bloco), seguido pelo candidato da Coligação Minas Pra Você, Fernando Pimentel, com 5’52 e pelo candidato da Coligação Minas quer Mudança, Tarcísio Delgado, com 1’36. Pimenta da Veiga e Fernando Pimentel vão ter direito a 219 e 158 inserções na programação diária, respectivamente, e Delgado terá 43 inserções.
Para o cargo de senador, o primeiro a aparecer será Pablo Lima (PCB) e o maior tempo será do candidato Antônio Anastasia, da Coligação Todos Por Minas, com cerca de quatro minutos por bloco. Confira o quadro (formato PDF) com a ordem e o tempo de veiculação de propaganda para senador e o quadro (formato PDF) das inserções.
No caso de deputado federal, no primeiro dia de veiculação do horário eleitoral gratuito, terça-feira, 19 de agosto, o Partido da Causa Operária (PCO) vai iniciar a propaganda gratuita, conforme o quadro (formato PDF) com o tempo e a ordem de votação de cada um. Confira o quadro (formato PDF) com relatório das inserções de cada partido/coligação para deputado federal.
Para deputado estadual, o programa será aberto pelo PC do B. Confira o quadro (formato PDF) com a ordem de veiculação e o tempo de cada partido/coligação para deputado estadual e o quadro (formato PDF) das inserções para o cargo.
Nos programas seguintes, será adotado sistema de rodízio, sem prejuízo da ordem estabelecida, devendo o partido político ou a coligação que teve seu programa apresentado em último lugar ser deslocado para o primeiro e assim sucessivamente. O sorteio e a divisão do tempo contaram com as candidaturas do PCO para todos os cargos – indeferidas nesta terça-feira (5) pelo juiz do TRE Maurício Ferreira. Caso haja recurso e o indeferimento seja mantido, o tempo do partido será redistribuiído entre os demais partidos e coligações e ele será excluído da ordem de apresentação, sem necessidade de nova audiência para esse fim.
A distribuição dos tempos indicados foi feita utilizando-se os critérios do artigo 36 da Resolução TSE nº 23.404/2014, considerando o número de partidos políticos ou coligações que solicitaram registro de candidato aos cargos de governador e vice-governador, senador e suplentes, deputado federal e deputado estadual e a respectiva representação na Câmara dos Deputados.
A audiência aconteceu no auditório Desembargador Leal da Paixão,e foi presidida pelo diretor da Escola Judiciária Eleitoral de Minas e juiz auxiliar da Corregedoria, juiz Carlos Henrique Braga, que destacou a importância do evento “moldado na transparência” para “oferecer um processo democrático na altura do povo mineiro”.

 

 

 

Crédito: Divulgação

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.