quarta-feira, 26 de Fevereiro de 2014 06:29h Atualizado em 26 de Fevereiro de 2014 às 06:38h. Carla Mariela

Parlamentar encaminha requerimento à Prefeitura sobre obras paralisadas da rua Pains

O vereador Dr. Delano Santiago (PRTB) durante pronunciamento na câmara municipal de Divinópolis.

O vereador Dr. Delano Santiago (PRTB) durante pronunciamento na câmara municipal de Divinópolis, discursou sobre a situação que se encontra atualmente a rua Pains. O parlamentar solicitou do Poder Executivo por meio do requerimento de número 07/2014, contendo algumas informações em relação às obras de pavimentação no local, uma vez que a assinatura de ordem de serviço para execução da mesma foi realizada no dia 17 de junho do ano passado.
Durante discurso na tribuna livre o vereador, afirmou que mora naquela região e é muito cobrado pelos moradores. Ele relembrou como foi o dia da inauguração para o início das obras e questionou o porquê de a reforma ainda se encontrar parada. Segundo ele, já são oito meses que foi feito o anúncio pelo prefeito Vladimir Azevedo (PSDB), inclusive, com a divulgação de que o custo da obra seria estimado em R$ 600 mil, sendo R$ 490 mil provenientes de emenda parlamentar do deputado federal Domingos Sávio (PSDB) e o restante seria por parte do município.
O prazo estimado para a conclusão das obras seria de cinco a seis meses, assim como havia relatado o ex-superintendente da Usina de Projeto, Lúcio Espíndola, responsável pela fiscalização da obra. O vereador declarou que o secretário de obra afirmou que estaria entregando para a população uma nova socialização daquele ambiente. Além disso, que poderia até fazer uma nova pista de cooper saindo daquele local. “No dia da inauguração tinha tanta autoridade que nós brigávamos para sair nas fotos da imprensa de Divinópolis e hoje eu convido a mesma imprensa que estava lá naquele dia para tirarmos novas fotos para ver qual o vereador terá a coragem de sair nestas no meio do mato. Porque ali virou local de tráfico de drogas. Está difícil porque somos cobrados na Rua e não sabemos para onde que esse dinheiro foi. Eu como sou da base do governo estou cada dia mais afastado. Eu não sei falar com a população, onde foi parar o dinheiro e porque a obra paralisou”, ressaltou.
Dr. Delano Santiago fez os seguintes questionamentos durante fala na tribuna: Onde está esse dinheiro? O que foi feito com esse dinheiro que serviria para a obra dos dois quarteirões da rua Pains?
Ainda conforme Delano, hoje, quem passa pelo local e necessita chegar ao outro lado, precisa pegar um desvio pela rua Dom Pedro II ou Dom Pedro I. Para o parlamentar, a ligação asfáltica da rua Pains é importante para o sistema viário no município, porque cria alternativa de tráfego para evitar o estrangulamento ao fim da av. 7 de Setembro, integrando os bairros Sidil, Alto São Vicente, bairro Liberdade e toda a região noroeste.
Em contato com a prefeitura de Divinópolis, a assessoria da administração municipal informou que conforme a Usina de Projetos foram executados 95% das obras de drenagem pluvial da rua Pains que compõem a parte de infraestrutura para a pavimentação efetiva da via,  e devido a necessidade de ampliação da obra foi necessária uma readequação do contrato que está sob análise da Caixa Econômica Federal. A segunda etapa das obras, que corresponde ao asfaltamento da rua Pains,  está prevista para março, dependendo da análise dos documentos junto ao banco. Os recursos no valor de R$599.853,95 encontram-se depositados em conta na Caixa Econômica Federal, sendo R$190.031,66 investidos diretos da Prefeitura de Divinópolis e R$ 409.822,29 de emenda parlamentar do  deputado federal Domingos Sávio.  A Usina de Projetos ressalta, ainda, que o contrato tem vigência até 30/06/2014.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.