sexta-feira, 19 de Junho de 2015 14:49h

Parlamento Jovem dá início a plenárias municipais

Cronograma dessa etapa do projeto de educação para a cidadania da ALMG segue até o final de julho

A edição 2015 do Parlamento Jovem de Minas, projeto de educação para a cidadania realizado pela Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) em parceria com a PUC Minas e câmaras municipais, está entrando em uma nova fase. Com o objetivo de estimular a formação política de estudantes dos ensinos médio e superior, já estão sendo realizadas as plenárias municipais. Elas acontecem nas 38 cidades participantes do projeto, que se dividem em oito polos regionais. Em sua 12ª edição, o Parlamento Jovem enfoca o tema "Segurança pública e direitos humanos".

Divinópolis e Nova Serrana, no Polo Centro-Oeste, deram início a esse trabalho, realizando suas plenárias municipais na última segunda (15/6/15) e quarta-feiras (17), respectivamente. Poços de Caldas, no Polo Sul de Minas II; e Pains, no Polo Centro-Oeste, também realizarão suas plenárias municipais nesta sexta (19). Na segunda-feira (22) será a vez de Pouso Alegre, no Polo Sul de Minas I. E na terça (23) o trabalho terá sequência com Belo Horizonte (Polo Central) e Itabira (Polo Médio-Piracicaba).

Na Capital, a programação foi dividida em dois dias e será finalizada no próximo dia 30. Na sequência, as demais cidades participantes também realizam suas plenárias municipais de acordo com um cronograma que deve se estender até o final de julho.

Além dessa etapa, o Parlamento Jovem tem outras duas grandes fases, já que as discussões nos municípios são seguidas por uma etapa regional e outra estadual, na Assembleia de Minas. Na primeira etapa, estudantes se reúnem nas suas cidades e discutem propostas em relação ao tema do ano. Na segunda fase, municípios agrupados em polos fazem uma plenária regional e fecham as sugestões daquela área. E, por fim, a plenária final é realizada na ALMG, com a conclusão das propostas e a entrega do documento final à Comissão de Participação Popular.

Pela metodologia do Parlamento Jovem, em cada cidade os grupos de trabalho debatem os subtemas sugeridos para a formulação de propostas que comporão um documento base que é formulado na plenária municipal. Algumas cidades realizam as duas etapas em dias distintos, como é o caso de Belo Horizonte. Na sequência, na etapa regional essas propostas serão priorizadas, até duas por subtemas, antes de serem enviadas à coordenação estadual para compor o documento base da plenária estadual.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.