terça-feira, 7 de Outubro de 2014 04:54h Atualizado em 7 de Outubro de 2014 às 04:57h. Jotha Lee

Perda de votos em Divinópolis reflete insatisfação do eleitorado

Deputados federais reeleitos tiveram perdas significativas de eleitores na cidade

Crédito: Jotha Lee

 


O resultado das eleições de domingo trouxe uma dura realidade para os políticos divinopolitanos e mostrou a insatisfação do eleitor com o desempenho da administração municipal, o descontentamento com a atuação dos parlamentares e o descrédito com novos nomes colocados à prova. O grande volume de votos perdidos, já antecipado pela Gazeta do Oeste, indica que os eleitores vão continuar mexendo no tabuleiro do xadrez político da cidade nas próximas eleições. Também ficou claro que se não houver uma mudança de comportamento das atuais lideranças, a próxima eleição, que vai eleger vereadores, prefeito e vice em 2016, terá ainda mais surpresas.


Na eleição para presidente, que interessava de perto ao governo municipal, o PT venceu em Divinópolis, com Dilma Rousseff obtendo 51.302 votos contra 43.479 para Aécio Neves. Já na eleição para o governo do Estado, a derrota do PSDB em Divinópolis foi ainda maior. O candidato petista, Fernando Pimentel, ficou com 60.242 votos dos divinopolitanos, enquanto Pimenta da Veiga, do PSDB, obteve 37.460.


Na votação para deputado federal, Jaime Martins (PSD) e Domingos Sávio (PSDB) foram reeleitos. Martins vai para seu sexto mandato consecutivo, enquanto Sávio chega ao segundo. Entretanto, ambos tiveram perdas significativas de votos. A soma da votação dos dois candidatos em Divinópolis chega a 49.438 votos, o que representa 53,53% dos votos válidos. Já abstenção e votos brancos e nulos atingiram 59.869 votos, 42,68% do eleitorado total (152.052). Isso significa que foram 10.431 votos perdidos a mais que a soma da votação dos dois candidatos.


Para deputado estadual, o recado do eleitor divinopolitano foi semelhante. O único candidato eleito, Fabiano Tolentino (PPS), que vai para seu segundo mandato, obteve 23.430 votos na cidade, praticamente a mesma votação obtida em 2010, quando teve a preferência de 23.485 eleitores. Ele não teve grandes perdas no eleitorado local, mas também não obteve nenhum crescimento. Abstenção, votos nulos e brancos atingiram a 46.161 votos, o que representa 32,65% do eleitorado total.

 

 

 

JORGE TORQUATO
O candidato a deputado federal pelo PSOL, Jorge Torquato, obteve 9.859 votos em Divinópolis e em todo o Estado sua votação chegou a 10.590. Entretanto, seus votos não apareceram na contagem feita pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE).


De acordo com o Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais (TRE), Jorge Torquato encontra-se na situação de candidato “indeferido com recurso”. Nessa situação, ele poderia ser votado normalmente, como ocorreu, porém os votos não apareceram no sistema oficial de divulgação da Justiça Eleitoral e foram computados como nulos.


Ainda conforme informações do TRE, se o TSE não julgar o recurso de Jorge Torquato nos próximo dias, haverá a proclamação dos eleitos sem que os votos recebidos por ele sejam computados. Se a situação for revertida no TSE, nova proclamação dos resultados será feita pelo TRE, após cálculos do quociente eleitoral e partidário.


No domingo à noite, durante a cobertura das eleições realizada pela TV Candidés, Sistema MPA e Gazeta do Oeste, Jorge Torquato acusou a imprensa de tê-lo prejudicado com a divulgação da notícia. O jornalista, Silvio França, sentiu-se ofendido e retrucou afirmando que a imprensa divulgou informações fornecidas pelo TRE. Os dois protagonizaram um bate-boca no ar.


Como estava próximo de um intervalo comercial e haveria a formação de nova bancada de debatedores na cobertura feita pela TV Candidés, Jorge Torquato pegou o microfone e protestou: “estão me convidando para sair”, repetiu várias vezes. Mais tarde, Silvio França se desculpou no ar pelo episódio.

 

 

Votação final dos candidatos divinopolitanos a deputado estadual
CANDIDATO VOTAÇÃO (Divinópolis) VOTAÇÃO (total) 
Fabiano Tolentino 23.430 62.776 
Rinaldo Valério 10.944 16.324 
Anderson Saleme 10.626 12.671 
Adair Otaviano 8.531 10.145 
Heloisa Cerri 6.597 7.548 
Edson Sousa 3.426 4.201 
Eliana Piola 3.057 5.433 
Ângelo Roncalli 2.853 14.400 
Rogério Dedetizador 203 320 
Abstenção   15.490 10,19%
Brancos   16.710 12,24%
Nulos   13.961 10,22%
TOTAL   46.161 32,65%

 

 

Votação final dos candidatos divinopolitanos a deputado federal
CANDIDATO VOTAÇÃO (Divi) VOTAÇÃO (total 
Jaime Martins 31.678 158.907 
Domingos Sávio 17.670 143.901 
Daniel Simião 413 645 
Marcus Fressati 95 628 
Abstenção   15.490 10,19%
Brancos   18.470 13,52%
Nulos   25.909 18,97%
TOTAL   59.869 42,68%
Fonte: TSE

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.