quinta-feira, 3 de Outubro de 2013 06:18h Carla Mariela

Posto de atendimento móvel chega em Divinópolis na próxima semana

O ônibus contribuirá com o recadastramento biométrico em várias localidades do município

A partir da próxima semana, a Justiça Eleitoral, utilizará um posto de atendimento móvel para o recadastramento biométrico em Divinópolis. O objetivo principal é fazer com que eleitores que tenham dificuldade de acesso ao cartório eleitoral, possam realizar o recadastramento biométrico em sua própria região para cumprir com as obrigações perante a Justiça Eleitoral.
De acordo com a coordenadora do cartório, zona 103ª, Cíntia Greco, a previsão é que o ônibus comece a atender no dia oito de outubro, iniciando na região de Santo Antônio dos Campos (Ermida). Baseada nas informações do Tribunal Regional Eleitoral (TRE/MG), o ônibus foi equipado com oito kits biométricos para atender os eleitores, e além de Ermida, o atendimento passará para outras localidades e comunidades rurais.
Antes da chegada do ônibus no município, a presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Cármen Lúcia; visitou no fim do mês de setembro o TRE de Minas Gerais. Ela se reuniu com representantes do Colégio de Ouvidores de TER’s e com a Corte Eleitoral mineira. Na ocasião, ela também conheceu o ônibus itinerante que virá para Divinópolis.
Em uma visita no cartório, o diretor geral do TRE/MG, Adriano Denardi, havia adiantado sobre este posto de atendimento móvel, que conforme ele, aumentaria a capacidade no atendimento biométrico. “Espero que nos próximos meses, este ônibus já esteja pronto e aparelhado. A empresa contratada e licitada deve entregar o ônibus em junho para ele ser aparelhado durante o mês de julho e assim ser utilizado posteriormente em Divinópolis para atender a população rural. A vinda aqui serviu para visualizar e planejar estas ações”, havia adiantado o diretor.
Por fim, o ônibus foi fruto de um estudo iniciado há mais de um ano, e possui além dos guichês para atendimento (próprios para a biometria), uma ilha de impressão dos títulos eleitorais, gerador próprio de eletricidade para contingência, cabeamento para comunicação de dados e ar condicionado.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.