sábado, 21 de Fevereiro de 2015 05:57h Jotha Lee

Prefeitura fixa metas de arrecadação para 2015

Município fechou 2014 com superávit na execução orçamentária

O prefeito Vladimir Azevedo (PSDB) e sua equipe da área econômica publicaram ontem decreto que fixa as metas de arrecadação para 2015 e oficializa o organograma financeiro do município. No ano passado, a Prefeitura teve dificuldades na execução orçamentária, em razão da queda aguda verificada na arrecadação, que ficou R$ 106 milhões abaixo da previsão orçamentária.
O secretário de Fazenda, Antônio Castelo, que desde a semana passada ocupa interinamente a Secretaria de Administração, Orçamento e Informação, também assina o decreto. Em entrevista à Gazeta do Oeste disse que o sinal amarelo continua ligado e a mudança do cenário só ocorrerá com a volta do crescimento da economia em nível nacional.
No ano passado, para assegurar o funcionamento da máquina, o prefeito adotou medidas de contenção de despesas que deram bons resultados. Em janeiro de 2014, a Prefeitura tinha um déficit superior a R$ 100 milhões na execução orçamentária.
De acordo com o demonstrativo de receita e despesa publicado na edição de ontem do Diário Oficial dos Municípios, as receitas correntes de Divinópolis em 2014 atingiram R$ 414,3 milhões, enquanto as despesas chegaram a R$ 386,2 milhões, garantindo um superávit de R$ 28,1 milhões na execução orçamentária.
Além de derrubar o déficit na execução do orçamento, outra boa notícia publicada ontem através do quadro demonstrativo de aplicação financeira, mostra que os investimentos em educação superaram o limite constitucional exigido. De acordo com o relatório, a Prefeitura aplicou em educação R$ 63,5 milhões, 26,58% da receita do ano passado. O limite constitucional é de 25%.

 

PREVISÕES
O exemplo clássico de queda na receita do município em 2014 está na arrecadação de impostos municipais, cuja previsão era de R$ 96 milhões e ficou em apenas R$ 83,9 milhões, conforme mostra a publicação divulgada ontem. Repasses dos governos federal e estadual, como ICMS, IPVA, FPM e IPI também sofreram redução significativa no ano passado.
Para 2015, o orçamento da Prefeitura de Divinópolis é de R$ 604,5 milhões e, de acordo com a previsão de metas de arrecadação divulgada ontem, os maiores valores deverão entrar para os cofres municipais nos primeiro e último bimestres. O município ainda não tem o balanço da arrecadação neste início de ano, já que os balancetes são fechados somente ao fim de cada bimestre.
A previsão é de que até 28 de fevereiro entrem para os cofres municipais R$ 128,4 milhões. Já para o segundo bimestre, a meta de arrecadação cai para R$ 96,8 milhões.

 

Quadro de metas de arrecadação do município para 2015
BIMESTRE META DE ARRECADAÇÃO
Jan/Fev R$ 128.419.109,00
Mar/Abr R$ 96.867.694,20
Mai/Jun R$ 91.930.339,80
Jul/Ago R$ 92.190.472,60
Set/Out R$ 92.700.916,80
Nov/Dez R$ 102.391.467,60
Total R$ 604.500.000,00

 

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.