sexta-feira, 7 de Fevereiro de 2014 04:17h Pollyanna Martins

Profissionais da educação recebem reajuste anual

Plano de Cargos, Carreiras e Salários prevê reajuste anual para servidores municipais da educação.

Os servidores municipais da educação receberam o reajuste anual antecipado. A correção de 5,56% concedida corresponde à variação do INPC – Índice Nacional de Preços ao Consumidor, relativo ao ano base de 2013, conforme divulgado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE. O reajuste anual foi pago aos servidores conforme a Lei nº 7.290 de fevereiro de 2011 que trata o Plano de Cargos, Carreiras e Salários (PCCS), com efeito, retroagindo à 01/01/2014.
O PCCS foi aprovado em 2011 por unanimidade na Câmara Municipal de Divinópolis, em Sessão Extraordinária.  O plano da educação foi planejado durante um ano e meio e significou melhorias nos salários e carreiras dos servidores. Durante todo o processo de discussão e elaboração, os servidores participaram diretamente em assembleias. Ou seja, a construção deste plano foi aprovada antes, pelos trabalhadores da categoria. Para o secretário interino de Educação, João Renato de Souza Cintra, esta é mais uma forma de valorização do servidor. “Esta administração, desde o mandato passado, tem como meta, sempre melhorar a educação em nosso município e este decreto é mais uma forma de valorizar a prestação de serviço do educador. A implantação do PCCS da Educação e a isonomia coloca o educador de Divinópolis com um diferencial positivo em relação aos profissionais desta categoria na maioria dos municípios do país e sempre que possível estaremos lutando para valorizar este profissional que presta um serviço tão importante”, destacou.
Um profissional Educador I que inicie a carreira agora, sem nenhum adicional receberá R$ 1740,46 para trabalhar 23h15 por semana. Os profissionais com mais tempo de serviço vão adquirindo benefícios que aumentam esta remuneração. O PCCS da Educação prevê isonomia salarial para o magistério em 2013 e ainda garante 45 dias de férias para todos os servidores ligados a educação. Além disso, profissionais pós-graduados, com mestrado e doutorado, terão maior progressão salarial de acordo com sua especialização. Segundo a técnica de Recursos Humanos da Secretaria de Educação, Sandra Rezende, o reajuste é um dos fatores que irá melhorar a qualidade do ensino na cidade. “A Prefeitura tem cumprido a sua parte desde a aprovação do PCCS, por isso se deu essa antecipação. Nos anos de 2010/11/12 e 13 os magistrados recebiam dois reajustes anuais, mas a partir deste será apenas um. Nós conseguimos a isonomia no valor da hora trabalhada”, esclarece.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.