quinta-feira, 20 de Fevereiro de 2014 05:11h Mariana Gonçalves

Programa de entrega de remédios em casa, passa por reestruturação

Em meados de 2012 a prefeitura municipal em parceria com a Universidade Federal de São João Del Rey (UFSJ) campus Dona Lindu.

Em meados de 2012 a prefeitura municipal em parceria com a Universidade Federal de São João Del Rey (UFSJ) campus Dona Lindu, elaborou um projeto para atender as pessoas necessitadas de remédios gratuitos em casa. A ação seria específica para pessoas acamadas ou que por outras razões não pudessem comparecer à unidade da farmacinha popular. Porém, o programa não durou muito tempo, de acordo com informações a ação teve fim no mesmo ano em que começou.
Conforme a assessoria de comunicação da prefeitura, a ação por ser fruto de um convênio com a UFSJ utilizava os alunos do curso de farmácia para o andamento das atividades. Porém, por se tratar de um programa em fase de experimento, alguns pontos avaliados não surtiram o efeito necessário e isso acabou por pesar no andamento da ação.
Por meio de contato telefônico o assessor de comunicação da prefeitura nos prestou as seguintes informações: “O projeto basicamente atendia a região do Santa Lúcia e do Serra Verde, eram cerca de 250 pessoas entre acamados e pessoas com algum tipo de problema. Mas, com o término do ano letivo dos alunos da UFSJ, esse programa teve que ser encerrado e o contrato não foi prorrogado.
Uma discussão sobre ele (projeto) para avaliar os resultados foi realizada, porque além de ajudar as pessoas que precisavam, mas não tinham condições de buscar o remédio, a ação tinha o objetivo de dar mais fluidez ao atendimento da farmacinha, porém isso não se consolidou. Primeiro pelo término do ano letivo e aí não tínhamos mais o suporte dos alunos e segundo porque o fluxo intenso de atendimento na farmacinha continuou, já que as pessoas que faziam o uso de remédios contínuos precisavam ir até a unidade para pegar a receita. Sendo assim o programa está passando por estudos para que haja uma reformulação”.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.