Projeto de lei defende que leitos de CTI para casos de Covid-19 sejam mantidos mesmo após pandemia.

Gustavo Mitre propõe Projeto de lei para que o governo mantenha funcionando os leitos de CTI abertos para atendimento à COVID-19, mesmo após a pandemia.

10 DEZ 2020

 

O Deputado Estadual Gustavo Mitre apresentou na ALMG o Projeto de Lei n.º 2.248/20, que dispõe sobre a habilitação permanente de leitos de UTIs - Unidades de Terapia Intensiva e de suporte ventilatório pulmonar, criados para o combate à COVID-19.

 

Gustavo Mitre explicou que “o processo de habilitação e de credenciamento de leitos hospitalares, essencialmente os de UTIs e ventilatórios, além de técnico é muito demorado.

A necessidade fez com que o processo fosse simplificado, sem, contudo, importar em desrespeito aos critérios técnicos de qualidade. O que se pretende com este PL é que os leitos habilitados, de forma temporária, se tornem permanentes mesmo após o período de pandemia.”

 

O Deputado realçou a importância do PL esclarecendo que a pandemia de Covid-19 trouxe o temor do esgotamento da capacidade de atendimento do sistema de saúde que, em condições normais, já é deficitário em vagas de terapia intensiva e de suporte ventilatório.

Por isso, a manutenção dos novos leitos, além dos que já existiam anteriormente, atende aos anseios da população mineira.
 

© 2009-2021. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.