quinta-feira, 13 de Setembro de 2012 15:58h Carla Mariela

Próxima segunda é o último prazo para a instalação da comissão de auditoria referente às eleições 2012

Baseada nas informações divulgadas por meio do Calendário Eleitoral relacionado com o processo eleitoral de 2012, na próxima segunda-feira é o último prazo estabelecido pela Justiça Eleitoral para a instalação da comissão de auditoria para a verificação do funcionamento das urnas eletrônicas por meio de votação paralela.

 


O objetivo dessa comissão, definida pelo Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais (TRE/MG), é fundamental para assegurar a ausência de fraudes no processo político. Essa comissão, em um sistema chamado de votação paralela, no mesmo período em que ocorre a votação normal, digita nas urnas sorteadas aleatoriamente votos anotados com cédulas específicas. Os votos anotados são, ao fim do horário de votação, comparados com os resultados dos votos da urna para garantir a integridade do sistema.

 

Segundo informações, dessa forma, realizando o teste comparativo entre os votos anotados com os votos computados, os auditores emitem um parecer sobre a segurança dos dados do pleito.

 

O Calendário Eleitoral, além de apresentar, que na próxima segunda, é o último prazo para a instalação de auditorias, também divulgou, que nesse mesmo dia será o último dia para o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), apresentar aos partidos políticos os programas de computador a serem utilizados nas eleições de 2012. E é também o último dia para os tribunais regionais eleitorais divulgarem, em edital, o local onde será realizada a votação paralela.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.