sexta-feira, 29 de Julho de 2011 09:50h Atualizado em 29 de Julho de 2011 às 09:57h. Flávia Brandão

PT decide por Beto Cury como pré-candidato a prefeito

Vice-presidente do PT Municipal, Renato Delgado, afirma que prioridade será viabilizar a candidatura de Beto Cury sendo que ainda não foi discutida a questão da vice-candidatura

O nome de Beto Cury está confirmado internamente pela Executiva do Diretório do Partido dos Trabalhadores (PT) para ser viabilizado como pré-candidato a prefeito nas eleições municipais de 2012. Renato Delgado, vice-presidente do PT Divinópolis, explicou que a confirmação se dará realmente na convenção do ano que vem, mas o partido está discutindo com várias lideranças políticas da cidade no sentido de trabalhar a candidatura de Beto Cury apresentando um projeto alternativo ao governo do PSDB  no município.

 

O nome do empresário Eduardo Santos (Ciafal), do ex-prefeito Demétrius Arantes e do ex-vereador Manoel Cordeiro foram cotados juntamente com o de Beto Cury, como pré-candidatos a prefeito, mas segundo Renato “naturalmente” foi decidido no partido pelo nome de Beto Cury.  “É um nome que vem acontecendo naturalmente, o Beto se colocou a disposição do partido e tem conciliado a sua agenda de Brasília com Divinópolis estando aqui a cada 15 dias. Hoje, mais do que nunca o PT está unido internamente no processo das eleições de 2012, então não vai ter prévia, nem disputa interna. Os nomes que foram levantados anteriormente do Eduardo, do Demétrius, do Manoel são companheiros que nós respeitamos muito e que participam do processo. Ou seja, tem sido um processo natural e o Beto está construindo tudo isso da forma mais transparente e tranqüila”, explicou.

 

Articulações

 

Delgado afirma que o PT Municipal tem mantido contado com vários partidos políticos da base aliada do governo Dilma na cidade e que até a convenção do ano que vem podem surgir outras novidades, mas o momento é de trabalhar para viabilizar o nome de Beto Cury como pré-candidato. “Nós entendemos que é importante para uma candidatura se viabilizar, seja do Beto ou outra candidatura, que  nós temos de ouvir os partidos que queiram participar do processo do ano que vem; os partidos da oposição ao governo municipal. E é natural que os outros partidos tenham seus candidatos a prefeito. Estamos no momento de diálogo de construir uma grande aliança em cima de alternativas ao governo tucano em Divinópolis”, declarou.

 

Vice-candidatura

 

A respeito da possibilidade do  ex-prefeito Demétrius ser o responsável por indicar o vice de Beto Cury, Delgado afirmou que no momento não foi discutida essa questão da vice-candidatura no partido, mas destacou que o ex-prefeito participa ativamente das decisões e discussões do partido. “A nossa prioridade é a candidatura do Beto. Se estão falando que o Demétrius vai indicar o vice, na minha opinião é especulação. Em momento algum a Executiva do PT está discutindo a questão do vice. A nossa intenção é priorizar a candidatura do Beto”, declarou.

 

Projeto alternativo

 

Delgado acredita que o governo do PSDB em Divinópolis está “desgastado”, “sem rumo”, além de ser “anti-popular, antidemocrático” e o PT pretende apresentar um projeto alternativo a população.  Ele cita como pontos negativos: o projeto da Copasa; a desvalorização do servidor público; a não relação com os movimentos populares; o caos da saúde. “Esses pontos dão o norte como está a situação do governo hoje, como está a situação da cidade e a insatisfação da população. É um governo que infelizmente ao Divinópolis comemorar 100 anos ao contrário de promover um avanço tem causado um retrocesso”, declarou. De acordo com Delgado o PT quer atuar junto aos movimentos populares, respeitando o servidor público, com discussão das obras por meio do orçamento participativo e cita que a cidade irá ganhar já que irá manter um grande relacionamento com o Governo Federal, que é do PT.
 

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.