segunda-feira, 23 de Novembro de 2015 10:14h

Sesi e Senai serão homenageados na Assembleia Legislativa

O bom desempenho dos alunos do Senai, em competição internacional, será destacado em reunião nesta segunda-feira (23)

Em Reunião Especial no Plenário da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG), os professores e alunos dos Serviços Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) e Social da Indústria (Sesi), serão homenageados pelo desempenho no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). A reunião, requerida pelo deputado Paulo Lamac (PT), será nesta segunda-feira (23/11/15), às 9 horas.

A cerimônia também se destina à parabenizá-los pela performance na World Skills Competition, que é a maior competição de educação profissional do mundo. São mais de 60 países que simulam desafios das profissões que devem ser cumpridos dentro de padrões internacionais de qualidade.

No ranking das melhores médias do Sesi Nacional, que teve 250 escolas inscritas, nove entre as dez primeiras são de Minas Gerais. Já no World Skills os alunos do Senai conquistaram medalhas de ouro, prata e bronze, além de certificados de excelência.

“Esse balanço comprova que as duas entidades, ligadas ao Sistema Fiemg, estão colhendo bons frutos do incansável trabalho que desenvolvem, sempre buscando abrangência e qualidade na educação”, ressaltou Paulo Lamac.

Histórico – O Senai foi criado em 22 de janeiro de 1942, pelo então presidente Getúlio Vargas, com a missão de formar profissionais para a indústria nacional. O Sistema de Educação oferece um programa de cursos gratuitos, destinados a adolescentes e jovens na faixa etária de 14 a 24 anos, que visa a inserção no mercado de trabalho. As indústrias também tem a possibilidade de contratar aprendizes por meio do Programa de Aprendizagem Industrial.

Já a Rede Sesi, criada em 1º de julho de 1946, tem em seus princípios a condução do processo educativo através de uma gestão comprometida com a “ética como base comportamental e educação como base do desenvolvimento”. O sistema oferece ensino aos industriários, seus dependentes e à comunidade em geral. Outro seguimento contemplado, são os jovens e adultos que não concluíram a educação básica em idade correspondente, através da Educação de Jovens e Adultos (EJA).

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.