sábado, 23 de Junho de 2012 09:29h Carla Mariela

Unidade de Pronto Atendimento será inaugurada no dia 05 de julho

Edmar Rodrigues (PSD) ressaltou ao ficar sabendo que alguns vereadores estiveram no local para verificar as obras, que é importante que Divinópolis tenha um novo Pronto Atendimento

Divinópolis é um Município que possui 5 hospitais, dentre eles estão, o Hospital São João de Deus que recentemente apresentou uma situação complicada devido uma crise financeira, mas o problema já está sendo solucionado, além do São João de Deus, há o Hospital Santa Lúcia, o Hospital Santa Mônica, São Judas Tadeu e o Hospital psiquiátrico SERSAM. Para auxiliar no atendimento aos pacientes, a cidade possui também o Pronto Socorro, situado na Avenida Getúlio Vargas e que recentemente também foi alvo na Casa Legislativa de Divinópolis durante as reuniões ordinárias, de reivindicações para que o espaço recebesse melhorias.  Pensando nessas reivindicações, Divinópolis receberá uma nova Unidade de Pronto Atendimento no bairro Ponte Funda.

 


Esse foi um dos assuntos que foram debatidos na Câmara Municipal, na última reunião ordinária. Durante o encontro, Geraldinho da Saúde (PR), relatou que o surgimento da UPA será fundamental para Divinópolis e região. “A saúde é um problema sério em todo o país, não só para Divinópolis. Nós temos apenas um Pronto Socorro, um pronto atendimento saturado, com muitos pacientes chegando há todas as horas, isso é desumano para os profissionais em relação aos pacientes que ali buscam por socorro. Nós temos que construir uma rede eficiente, Divinópolis ainda é carente, pois não tem ainda essa rede. Nós dependemos de mais unidades de saúde. Estamos com esse grande desafio e estivemos presente na UPA para cobrar dos técnicos que estavam ali”, argumentou.

 

O líder de governo, Edmar Rodrigues (PSD), ressaltou ao ficar sabendo que alguns vereadores estiveram no local para verificar as obras, que é importante que Divinópolis tenha um novo Pronto Atendimento, pois dessa forma haverá mais amparo na área da saúde. “A Comissão da Saúde fez um trabalho brilhante em ir até o local para poder trazer as respostas para tudo que já foi debatido em relação ao setor da saúde aqui nessa Casa durante os encontros legislativos. Nós sabemos da importância dessa Comissão de Saúde. Eu parabenizo os vereadores que estiveram acompanhando o desenvolvimento dos trabalhos para a chegada da UPA”, encerrou.

 

Os parlamentares Beto Machado (PSDB), Rodyson do Zé Milton (PSDB), Edson Sousa (PSB) e o engenheiro Fiscal da Semusa, Alexandre Lacerda, também compareceram no local, e a opinião deles é convergente, pois para eles, é necessário sim um novo Pronto Atendimento para conseguir atender a demanda da população de Divinópolis e região.

 

Já o vereador Hilton de Aguiar (PMDB), afirmou que a chegada da UPA na cidade não vai dar em nada. A vereadora Heloísa Cerri (PV), em entrevista Gazeta, disse que Divinópolis não está dando conta nem dos hospitais existentes na cidade, e vão ser criadas mais três Unidades de Pronto Atendimento, ela afirma que não consegue entender isso. Heloísa ainda acrescentou que no Brasil existe o processo contra as Organizações Sociais (OS), pois existem hospitais onde as OS dão certo e existem aqueles que dão errado. Os hospitais que dão errado é pelo fato do desvio do dinheiro público.

 

Por fim, o Engenheiro Fiscal da Semusa, Alexandre Lacerda, adiantou que as obras estão dentro do planejamento e que a previsão para a inauguração será no dia 05 de julho. “A previsão de entrega do prédio da obra da UPA, que é uma construção padrão da empresa que ganhou o processo licitatório que foi feito pelo Estado e não pela cidade de Divinópolis. Nós simplesmente aderimos ao processo deles e tem previsão para ser entregue no dia 05 de julho”, encerrou.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.