terça-feira, 17 de Maio de 2011 10:36h Flávia Brand?o

Vereador Rodyson convoca reunião na sede do MP

Intenção é evitar transtornos durante a Cavalgada de 1º de junho

Com o objetivo de organizar a tradicional Cavalgada de 1º de junho, que faz parte das festividades de comemoração do aniversário de Divinópolis, foi realizada ontem (16), na sede do Ministério Público - a pedido do vereador Rodyson do Zé Milton (PSDB) e do presidente do Clube do Cavalo, Ricardo Salgado - reunião com o promotor Sérgio Judin (Promotoria de Urbanismo) e representantes da Polícia Militar, do Corpo de Bombeiros, da Secretaria Municipal de Trânsito, da Secretaria Municipal de Agronegócio e da Secretária Municipal de Esporte.


  O vereador Rodyson do Zé Milton, que é um dos integrantes da diretoria do Clube do Cavalo, ressaltou que a reunião com as várias frentes de Defesa Social tem como intuito organizar a Cavalgada, que é um evento de tradição, mas que vinha trazendo alguns transtornos para a cidade. “Nos últimos anos, estávamos tendo um conflito muito grande entre veículos e cavaleiros gerando insegurança a população. Nosso intuito é organizar para dar segurança para a população, que vai curtir a cavalgada e também para os cavaleiros. Não podemos perder essa tradição cultural, que é nossa, mas sim organizá-la”, destacou.


O promotor do Ministério Público, Sérgio Judin, afirmou que no ano passado foi realizada uma intervenção do MP, que teve sucesso e a intenção é continuar aprimorando o evento, que é tradição em Divinópolis. “Queremos continuar na meta de melhor organizar a Cavalgada no dia 1º de junho, porque nos anos anteriores verificamos que havia uma série de transtornos. No ano passado, houve uma melhor organização no desfile e o objetivo desse ano é continuar organizando a cavalgada e aprimorando mais o evento para compatibilizar essa tradição com os interesses da cidade”, declarou. Tumultos, pessoas atropeladas por charretes, maus tratos a animais, cavalos que ficavam nas ruas por tempo indeterminado causando transtornos ao trânsito e acidentes, discussões inclusive com disparo de arma de fogo, foram alguns dos transtornos citadas pelo promotor durante edições passadas, que motivaram uma maior organização do evento.

 

 

Número de identificação

 

A respeito da inscrição, Rodyson afirma que elas estarão abertas no dia 25 de maio, a partir das 8h, em dois locais: Parque da Ilha e Selaria Quatro Patas ( R. Itambé, 632, esquina com R. Minas Gerais). A novidade dessa edição é que todos os cavaleiros estarão identificados por número, que será entregue no ato da inscrição, o qual deverá ser afixado nas costas e peito do cavaleiro. O vereador ressalta que a medida trará mais segurança para o evento e poderá identificar os participantes  que infringirem as normas estabelecidas no evento como: a proibição de uso de bebida alcoólica, mau tratos a animais, número máximo de quatro integrantes por charrete, apresentação de animais com o devido equipamento para cavalgada, etc. 

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.