sexta-feira, 26 de Julho de 2013 12:38h Atualizado em 26 de Julho de 2013 às 12:42h.

Vladimir é reeleito presidente da Frente Mineira de Prefeitos

Vladimir Azevedo foi reconduzido à presidência da Frente Mineira de Prefeitos neste fim de semana na cidade de Diamantina, quando do 99º Encontro de Prefeitos de Cidades Pólos. O prefeito de Divinópolis, que atualmente é vice-presidente de Gestão Pública

Vladimir Azevedo foi reconduzido à presidência da Frente Mineira de Prefeitos neste fim de semana na cidade de Diamantina, quando do 99º Encontro de Prefeitos de Cidades Pólos.  O prefeito de Divinópolis, que atualmente é vice-presidente de Gestão Pública da Frente Nacional de Prefeitos, e tesoureiro da Associação Mineira dos Municípios, foi reeleito como presidente da FMP para os próximos dois anos.


Prefeitos de várias regiões participaram do Encontro, entre eles o de Belo Horizonte, Márcio Lacerda, que continuará como vice-presidente da entidade. “Penso que é natural a reeleição do Vladimir, ele têm liderança, preparo e aceitação dos seus colegas. É um trabalho que se iniciou relativamente há pouco tempo, e precisa de pelo menos mais um mandato para se consolidar. É um prazer fazer parte de uma chapa séria e que mostra empenho nas questões municipalista”, justificou Lacerda.

Vladimir Azevedo lembrou que os desafios de Divinópolis, são os mesmos de  todas as cidades, principalmente nas de porte médio. “A gente consegue as conquistas através do associativismo da luta municipalista, e eu estou envolvido nesta luta junto com colegas prefeitos. E agora, fui convidado para dar seqüência a este trabalho na Frente Mineira de Prefeitos, junto com o prefeito Márcio Lacerda, de Belo Horizonte, prefeito Osmando, de Itaúna, prefeito Carlaile, de Betim, prefeitos das cidades-pólo de Minas, Uberaba, Uberlândia, Poços de Caldas, Valadares, todas as cidades-pólo que têm problemas semelhantes e são articulados através da Frente Mineira de Prefeitos”, falou.

Para o secretário executivo da FMP Erick Souto, Vladimir, está afinado com as questões da luta municipalista. “Nesses últimos dois últimos anos a Frente Mineira alcançou avanços importantes para os municípios em todos os sentidos, de orientação, informação e benefícios de uma forma geral. E o Vladimir, que faz parte da diretoria da Frente Nacional, carrega com ele uma experiência importante que é compartilhada com os demais gestores. Esse bom trabalho fez com que cidades consideradas menores manifestassem interesse em fazer parte da Frente, isto é muito bom porque mostra interesse e união dos municípios”, comentou.

A reunião em Diamantina contou com a participação da secretária de Estado de Planejamento e Gestão, Renata Vilhena; e de Dorothea Wenerck, secretária de Estado de Desenvolvimento Econômico. “Fizemos uma programação diferenciada e bem dinâmica apresentando painéis com temas separados, um com Gestão para Resultados e outro Desenvolvimento Regional”, afirmou Souto.

O Especialista em Gestão de Projeto de Desenvolvimento, Cláudio Veras; o Reitor da Universidade Federal de Minas Gerais, Clélio Campolina Diniz; e a Gerente do BDMG, Juliana Assis, também participaram como preletores.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.