SÃO SEBASTIÃO DO OESTE SE UNE PARA ESTIMULAR O DESENVOLVIMENTO DO MUNICÍPIO.

Criada pela Avivar Alimentos, ação estratégica será administrada pelo Sebrae/MG e conta com o apoio do executivo, legislativo e entidades da cidade.

 
Para estimular a criação de um município socioeconomicamente sustentável, a Avivar Alimentos, uniu forças ao executivo, legislativo e associações de São Sebastião do Oeste, no Centro-Oeste de Minas Gerais, para debater os potenciais e as necessidades da cidade. O projeto será administrado pelo Sebrae/MG, que terá o papel de mobilizar, qualificar e unir líderes setoriais para a formulação de um plano estratégico, voltado ao desenvolvimento local.

“A conexão de frentes municipais buscará o crescimento econômico da cidade, ultrapassando os desafios locais em prol de um propósito maior: o bem comum para a população de São Sebastião do Oeste”, pontua a analista técnica do Sebrae/MG para a Microrregião de Divinópolis, Glaura Figueiredo, que destacou a importante iniciativa da Avivar em promover o desenvolvimento do município por meio da união do poder público e associações.

Além do Sebrae/MG, participam do projeto, o prefeito e secretários municipais, vereadores, representantes da Associação Comercial, Industrial e Agropecuária de São Sebastião do Oeste (Aciasso), bem como líderes da Associação dos Avicultores do Centro-Oeste de Minas (Avicom) e da Cooperativa de Transporte e Logística de São Sebastião do Oeste (Cooperoeste).

DESENVOLVIMENTO

O prefeito municipal de São Sebastião do Oeste, Belinho Leite avaliou a implantação do projeto como favorável para o estabelecimento de uma nova visão de futuro para a cidade. “Junto com a Avivar, Sebrae, Câmara e associações estamos dando o ponta pé inicial para mudar os rumos da nossa cidade. O município evolui a partir do desenvolvimento da Avivar e com isso, o executivo criará alternativas estruturais para acompanhar esse processo”, ressalta Leite.

Segundo o presidente da Avivar, José Magela Costa, a ideia do projeto surgiu por meio da necessidade de criar novas possibilidades para a cidade, que tem crescido com a geração de emprego e renda, criados, direta e indiretamente, pela indústria. “Nós, da iniciativa privada, estamos de mãos dadas com os demais órgãos setoriais para darmos um impulso ao desenvolvimento socioeconômico e sustentável da cidade”, pontua o presidente da empresa.

Os resultados desse projeto poderão ser sentidos na economia da cidade, no desenvolvimento do agronegócio local, na melhoria da infraestrutura urbana, além da promoção da saúde, cultura e lazer para a sociedade sebastianense. “Ao conhecermos as necessidades do município, conseguimos definir e gerir um planejamento para a criação de um espaço propício para a evolução de São Sebastião”, explica José Magela Costa.

© 2009-2020. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.