Política

Governador Romeu Zema é recebido na FIEMG em Divinópolis para lançamento do SEBRAETEC

O Governador Romeu Zema comemorou a ação e destacou os avanços de Minas no fomento à economia.

O Governador de Minas Gerais, Romeu Zema, esteve na Sede da FIEMG Regional Centro-Oeste, em Divinópolis, na manhã de hoje (24), onde participou da cerimônia de lançamento do Programa SEBRAETEC – Mutirão da Produtividade, que oferece consultorias subsidiadas para negócios da moda e fundição.

A iniciativa pretende aumentar a produtividade, reduzir custos e ampliar as vendas das empresas dos polos calçadista de Nova Serrana, confecção de Divinópolis e fundição de Cláudio, Itaúna e Divinópolis. As consultorias direcionadas para a melhoria dos processos de inovação de produtos e serviços de pequenos negócios são 100% subsidiadas pelo SEBRAE-MG e o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e da Companhia de Desenvolvimento de Minas Gerais (Codemge). As vagas são limitadas. Todas as empresas inscritas passarão por uma seleção e serão contactadas pelo SEBRAE Minas.

O Diretor de Operações do SEBRAE Minas, Marden Magalhães, explicou sobre o impacto do Mutirão da Produtividade no desenvolvimento econômico regional. “A produtividade é um dos maiores gargalos nas empresas, por isso, nós precisamos aumentá-la e reduzir custos, para que, assim, as instituições tenham maior competitividade, gerando mais renda, mais emprego qualificado e oportunidade de inovação”, pontuou.

O Presidente da FIEMG, Flávio Roscoe, prestigiou a solenidade. Em seu pronunciamento, o líder empresarial destacou a potencialidade de Minas Gerais para fomentar o desenvolvimento, por meio de parcerias com entidades como SESI, SENAI, FIEMG, SEBRAE e Governo do Estado. “Essa iniciativa prova que Gestão faz a diferença; recurso pode ser multiplicado com inteligência e parceria”, enfatizou. Roscoe comentou ainda o crescimento de Minas, que acima do crescimento do Brasil. “Vamos continuar juntos trilhando para que a produção mineira seja a melhor do Brasil. Isso vira prestação de serviço pra sociedade”, finalizou.

O Governador Romeu Zema comemorou a ação e destacou os avanços de Minas no fomento à economia. “É muito bom assistir o estado avançar. Na semana passada, tivemos a divulgação de um indicador do IBGE muito importante. De acordo com os dados, o Brasil, no ano passado, cresceu 4,6%. Enquanto que o crescimento de Minas Gerais foi de 5,1%. Ou seja, conseguimos avançar além do Brasil. Estamos aqui trabalhando para eliminar ou reduzir todos os gargalos existentes para que a economia possa crescer, gerando renda e empregos”, disse o governador.

Também participaram da cerimônia, o Presidente do Sindicato da Indústria da Fundição no Estado de Minas Gerais (SIFUMG), Afonso Gonzaga, que contou que Minas é o segundo maior polo produtor de fundição no Brasil; só na região Centro-Oeste, 138 fábricas estão em pleno funcionamento. “Ano passado o setor cresceu 28% e são ações governamentais, além do apoio dos parceiros que contribuem para o crescimento do setor”, afirmou. O Presidente do Sindicato Intermunicipal das Indústrias de  Calçados de Nova Serrana (SINDINOVA), Ronaldo Lacerda, comentou que a região tem vocação industrial, o que reflete em distribuição de emprego e renda. “O Governo fomentar esse tipo de negócio beneficia a região como um todo. Temos muitas empresas, pequenas e médias e isso gera riqueza”, enfatizou. O Presidente do Sindicato do Vestuário de Divinópolis (SINVESD), Mauro de Melo Júnior, que iniciou sua gestão esse ano, disse que a capacitação é essencial para o fortalecimento do setor. “Começar a gestão com um projeto tão relevante, é o que mais precisamos”, afirmou.

Também estiveram presentes na solenidade, o Prefeito de Divinópolis, Gleidson Azevedo; a Vice-Prefeita, Janete Aparecida; o Presidente da FIEMG Regional Centro-Oeste, Eduardo Soares e o Diretor da entidade, Paulo César Costa; o Deputado Federal, Domingos Sávio; o Deputado Estadual, Fábio Avelar; presidentes dos demais sindicatos da região; vereadores; prefeitos da região e empresários.

Para o Presidente da FIEMG Regional, Eduardo Soares, a união entre Poder Público, entidades representativas de classe e setor empresarial é essencial para traçar estratégias de fomento. “Essa iniciativa pretende aumentar a produtividade, reduzir custos e ampliar a competitividade das nossas indústrias. Isso reflete em geração de emprego, distribuição de renda e desenvolvimento econômico e social da região”, finalizou.

Botão Voltar ao topo
%d blogueiros gostam disto:

Bloqueador de Anúncio Detectado

Nosso conteúdo é gratuito e o faturamento do nosso portal é proveniente de anúncios. Desabilite o seu bloqueador de anúncios para ter acesso ao conteúdo do Portal G37.