Região

Prefeito de Carmo do Cajuru anuncia pagamento do piso salarial para professores da rede municipal.

Com isso, os salários dos professores de Carmo do Cajuru atingirão o patamar de R$ 3.845,63, que é o piso definido pelo governo federal a ser pago esse ano.

O prefeito de Carmo do Cajuru, Edson Vilela, voltou a utilizar as redes sociais para anunciar que a Prefeitura vai garantir o piso salarial nacional para os profissionais da educação do município. Acompanhado da secretária municipal de Educação, Maria Virgínia, o prefeito disse em vídeo postado nas redes sociais que já encaminhou à Câmara Municipal um projeto de lei que autoriza o reajuste de 20,01% sobre o vencimento-base do magistério municipal. Com isso, os salários dos professores de Carmo do Cajuru atingirão o patamar de R$ 3.845,63, que é o piso definido pelo governo federal a ser pago esse ano.

Em relação aos servidores municipais, o prefeito Edson Vilela não tem ficado somente no discurso. Na prática, ele está valorizando o trabalhador, oferecendo melhores condições de trabalho e, principalmente, garantindo salários em dia e preservando os direitos da categoria. No início do ano, Vilela concedeu a revisão salarial de 10,16%, que corresponde ao Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) acumulado no ano passado.

No final do mês passado, Vilela anunciou um aumento de 56,52% no vale alimentação dos servidores. A luta pela atualização do valor do vale alimentação da classe começou no ano passado, com participação efetiva do Sindicato dos Trabalhadores Municipais de Divinópolis e Região Centro-Oeste (Sintram). Depois de várias reuniões com o Executivo em 2021, o Sintram obteve a garantia do prefeito Edson Vilela que sua administração iria recuperar o valor do auxílio para os servidores municipais.

A promessa feita ao Sintram pelo prefeito começou a ser cumprida no dia 15 de setembro de 2021.  Com a presença de diretores do Sintram, a Câmara Municipal aprovou naquela data o Projeto de Lei 52/2021, autorizando o reajuste de 5,45% no vale alimentação, elevando o valor do benefício de R$ 9 para R$ 11,50. Em fevereiro desse ano, Vilela anunciou o reajuste de 56,52%, que já está em vigor. O vale alimentação dos servidores subiu ide R$ 11,50 para R$ 18,00.


Fonte – Comunicação Sintram

Botão Voltar ao topo
%d blogueiros gostam disto:

Bloqueador de Anúncio Detectado

Nosso conteúdo é gratuito e o faturamento do nosso portal é proveniente de anúncios. Desabilite o seu bloqueador de anúncios para ter acesso ao conteúdo do Portal G37.